Conheça o antigo Farofa Saiba como tudo começou Home
Blogo de São Paulo,SP-Brasil   feed rss   podcast teste   icq=274 8040     Livro de Visitas do QL  
        
Fechando a lojinha

. Finalmente, acabei o segundo roteiro de gravação dos
  programas de amanhã.

. Roteiro de TV é um guia completo de gravação, que
  contempla o programa como ele irá ao ar, na ordem
  correta de exibição, com os textos da apresentadora,
  informações sobre entrevistado, orientações para a
  técnica. Enfim, tudo.

. Para fazer o roteiro final é preciso ter todos os dados
  à mão, que vão desde os ingredientes de uma receita
  culinária, o currículo do ou da chef de cozinha, a divisão
  da matéria em externa, com seus pontos de entrada e
  saída.

. Escrever é como sexo. Dá trabalho mas dá prazer, antes,
  durante e depois. Especialmente, depois.

. Foi bom pra mim. Espero que tenha sido bom para toda
  a equipe!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h59


Dois novos planetas?

. Que ótimo. Já temos alternativas menos agressivas
  de locais para onde mandar certas pessoas.
  Cientistas acharam mais dois planetas.

PS - Minha esperança é que nestes dois planetas, haja
       vida inteligente, pelo menos, inteligente o bastante
       para que essas criaturas não respondam a tudo com
       a frase 'com certeza'. Se bem que tudo pode piorar
       sempre. Conheci uma mulher que dizia 'com cerveja'.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h31


Tem web cam lá?

.Clodovil oferece um jantar, neste momento, para sua
 produção. Será que não tem nenhuma webcam lá
 no restaurante?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h19


Tadinha

 - piadinha caseira: (eu que fiz,
   sem as mãos)

.quando uma famosa
de tv, bem dotada
fisicamente mas carente
em dotes intelectuais
fica doente, qual o
diagnóstico mais provável?

Acertou! Anta...virose!

PS - Eu sei, Hantavirose é com H.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h09


Emival?

.Eu não sabia que o cantor Leonardo
 se chamava Emival Eterno da Costa.
 Mas o nome dele está publicado
 junto com a notícia
  de que o cantor
 terá que pagar uma indenização de
 100 mil reais  para um empresário.

.A história é cabulosa. Envolve atraso em show, gesto obsceno,
 fita gravada, tentativa de suborno e sabe-se mais o quê.
 Mas cem mil reais? Muito dinheiro, não?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h46


Trends

 .Jodele Larcher vai participar do Nokia
 Trends com uma instalação que faz
 um uso inédito de celulares com câmeras
 na área do, agribusiness.

 .Partindo do princípio que o olho do dono
 engorda o boi  a instalação terá um celular
 com a câmera voltada  permanentemente
 para o boi, tirando fotos que serão
 enviadas para o dono do boi.

.É uma espécie de web cam, que dá um refresh a cada
 intervalo determinado de tempo, sem fio e em tempo
 real.

.Imagine ter um celular fotografando os peixes do seu
 aquário, seus filhos na creche, sua mulher no escritório,
 sua plantação de milho, seus funcionários na loja e
 mandando fotos.

.E pra que mais?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h41


Como evitar web-micos

Pra não cair em ciladas enviando textos de
autores falsos, lembre-se:

.colunista tem coluna. verifique na coluna ou  nos arquivos
de ele escreveu ou não o texto.

.artista tem site oficial ou de fã clube. veja lá se existe
alguma menção ao texto em questão.

.Nunca passe nada adiante, nem texto, nem doença, sem
mais nem menos, sem verificar a origem. No máximo, passe o
sal, quando alguém pedir por ele à mesa.

.Na dúvida, não mande. E verifique sempre. É rápido.
Pegue frases inteiras do texto e coloque-as entre aspas no Google,
frases peculiares do texto. há grandes chances de chegar ao 
autor verdadeiro.

.Não repasse o texto em si: mande o link. Descongestiona a infovia.
E mesmo assim, só os links originais dos textos que você achar legal.

.Neste blog, há um botão 'envie esta mensagem por email.'
Use-a, sempre que quiser.

.O pior que eu vi até agora, além do fulano que rouba textos são
algumas linhas de assunto como 'pelo sim pelo não estou mandando',
'não sei se é ou não é mas mesmo assim..' 'essa vale a pena!' e
o critério adotado por um cara que disse pra mim:

- Como eu não sei de quem é o quê e não tenho saco pra procurar,
  eu adotei um critério: eu pego todos os textos e assino embaixo!



Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h12


O Sequestro da Bunda Dura, por Rosana Herbert

. Eu disse. Desde o princípio. Todo autor sofre ao ter seu texto 
  roubado, assim como odeia ver seu nome de família, aquele
  que mamãe escolheu e papai registrou no cartório, assinando
  coisas que não são de seu próprio punho, de sua própria
  lavra, ou sequer, de sua larva própria.

.Vermes esses ladrões de autoria.

.E depois do roubo do meu post "No trabalho e chocada", que virou
 "Vaidade", com meu nome retirado, uma frase do próprio e o nome do
 Herbert Vianna adicionados, ainda tive que aguentar algumas 
 criaturas dizendo que sou burra, porque não  era o texto inteiro 
 que foi assinado com o nome do Herbert Vianna, indevidamente,
 só a última frase. Tá bom, cara pálida, o resto do texto, que
 não é o resto mas "o texto", foi escrito por quem? Raimundo 
 Nonatao? Não, por mim.

.Tive a alma sequestrada.

.Mas eis que hoje, voltando de um looooooooooooooooooooongo
 dia de trabalho em externas, recebo um icq do Roberto Moreno
 que me passa um link do blog da mulher honesta. Neste momento
 descubro que ela, a mulher honesta teve sua bunda sequestrada,
 ou melhor, um texto chamado "bunda dura"

.Sequestraram o texto, suprimiram o nome e colocado o nome do 
Arnaldo Jabor.

.E o Jabor? Ficou puto da vida. Publicou sua coluna de
 hoje dizendo que o texto que circula pela web, com o
 nome de "Bunda Dura", não é dele. Jabor ficou mal
 não apenas pelo uso indevido de  seu nome completo
 como pelos elogios não merecidos. TEm
 coisa pior pra vaidade de um ser humano do que ser
 premiado pelo que ele não  fez? Francamente, eu não sei como
 os ladrões de idéias conseguem subir no palco e pegar um
 prêmio que não lhes pertence. Tem que ter cara de pau, bilau
 de isopor, saco de marshmallow e cérebro de baconzito.

.Jabor, prova com isso que todo mundo sai lesado quando um
 texto é roubado de um autor e creditado a outro autor. 
 Aliás, quem sai ganhando? A sacanagem é essa? E cade os
 malditos que fazem isso? Eles não voltam ao local do
 crime? Ah, voltam? Então vamos cruzar todos os IPS das
 visitas, cara mulher honesta.

.Vamos nos aliar, colega. Todo o povo deste blog apoia.
 E depois da ajuda do UOL, um estádio inteiro, lotado,
 apoia também. Fora os milhares de emails de solidariedade
 que recebi.

.Sequestro de texto, de peito, de bunda, de alma, de
 sentimento e autoria, nunca mais. Chega.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h49


Marketing Hacker

.passei o dia gravando. e comendo. uma loucura.
.primeiro fomos gravar na Mariza doces, o paraíso
 em pequenas porções. Uma coisa de chorar. 
 eu já conhecia a Silvia, filha da d. Mariza. Mas
 depois de conhecer a fábrica, toda artesanal,
 de ver os exércitos de bem-casados feitos
 um a um, os brigadeiros 'chiques', a baba de
 moça, os bolos confeitados, os camafeus...
 fiquei ainda mais encantada.

.Na sequência, fomos almoçar e fazer o 'povo
 fala', na rua. Foi lá que encontrei o Ernani
 Dimantas, do Marketing Hacker.

.Terminado o povo fala, fomos ao Wrap's,
 entrevistar a chef Carola Crema, responsável
 pelo cardápio, bonita e competente.
 Falamos de tudo, do antepasto aos wraps
 propriamente ditos, dos smoothies, das
 saladas. Uma tentação.

.Visitei a arquiteta VAnessa Feres ao lado do
 Wraps, voltei pra Synapsys, assisti ao programa
 que vai ao ar neste sábado, sobre a pré-estréia
 do filme Olga, voltei para minha mesa e,
 finalmente,faço este post, tremendo de frio numa
 blusinha sem mangas sob as saídas do ar condicionado
 que tenta me deportar para a Sibéria.

.Agora vou pegar um taxi, atravessar o rubicão, chegar
 em casa, beijar os filhos e fazer outro roteiro.

.E nos 'zinbituíns', postar aqui.

.É impressionante o que eu gosto deste blog. Das pessoas
 deste blog. De fazer posts. De trocar idéias. De ler
 os comentários, de conhecer novos leitores, de
 encontrar os queridos leitores de sempre.

.Sou dependente, blogadita mesmo.
 Tomara que não tenha nenhum efeito colateral grave.
 E que não tenha cura.

 Beijos.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h34


voltei!

Acredite se quiser. Depois de horas e horas e horas de trabalho,
muito prazer olfativo e gustativo, estou de volta.

Falta só respirar.
Inspira... expira... inspira...expira.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h03


Chata

. Olha que ótima notícia: acabei um roteiro!
  Só falta o outro. Fica pra mais tarde.
  Agora eu vou gravar uma matéria na Mariza doces,
  até o começo da tarde. Depois, vou gravar uma
  entrevista no Wraps com a Carole Crema. Até o
  começo da noite. Ás 18:00 horas dou uma entrevista
  pra o caderno Propaganda e Marketing.
  Ás 19:00 tenho uma reunião com a Insert assessoria
  de imprensa.
  E às 21:00 volto pra casa pra terminar o segundo roteiro
  e escrever todas as chamadas.
  Tá mole, hoje, não?

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h13


Café

.O café da manhã está servido.
.Está servido? Digo, você, está servido?
 Servida?
.Então, com licença, que eu vou ter que enfrentar um dia
 puxado
.Como todo mundo, entre pessoas bacanas, loucas, estranhas,
 bem e mal-intencionadas
.Ultimamente tenho deixado tão transparente meu incômodo com
 gente chata que dá até pena dos chatos. Mas gente muito
 chata é bem desagradável
.Porque, basicamente, o chato é uma pessoa que não se percebe.
 Que não percebe o mundo.


.O chato chega pra você todo entuasiasmado e diz:

 - Eu tenho uma ótima notícia pra você!!! Ótima!

E você, inocente, acredita que a ótima notícia é para
você. E manda:

- Me conta!

E o chato:

 - Comprei um carro novo!

E aí ele conta, em detalhes, a boa notícia pra você,
da bitola da tala-larga até a marca do lubrificante.

Mas não vamos ser cruéis, ou agressivos, com os chatos,
porque eles não tem culpa de serem assim. Quem sabe o chato
esteja certo e seja mesmo uma boa notícia pra você. Quem
sabe ele pegue o carro novo e vá para a Cochinchina. Para
Cochabamba.

PS - Ah, sim, esqueci de dizer. É ótimo receber notícias de
vitórias dos amigos, das pessoas em geral. Contar uma coisa
boa sobre si é sempre uma boa notícia para o mundo. A
diferença é que o chato só tem esse assunto, ele. Não há
outro interesse no mundo. Chato isso, né?

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 06h11


Bom dia

.dormi pouco. e mal.
.pesadelos angustiantes
.o chão que se abria
.uma banheira que rachava
.a descoberta de ser enganada, traída
.às 5:29 o despertador olhava feio pra mim
.é isso que dá não terminar o roteiro na véspera da gravação!

bom dia...zzzzzzzzzzzz


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 06h07


Cabeça de video game

. Não sei se é verdade, mas um especialista me disse 
  que o mercado de video games no mundo movimenta
  mais dinheiro que o mercado de computadores. Se
  for, melhor, todo mundo vai entender o post. Inclusive,
  eu.

. Descobri hoje que muita gente pensa como video game.
  O cérebro segue um padrão, um caminho, repete uma
  mesma sequência. Tem gente que pensa de forma
  simétrica e para tudo, precisa achar um paralelo. Tem
  gente que pensa de forma analógica, sempre fazendo
  analogia entre as coisas. Há cérebros maniqueístas,
  há mentes que funcionam com charadas, meias
  palavras, desenhando labirintos. Mas cada um tem
  um padrão.

. Se você descobrir este padrão você saberá como a
  pessoa pensa. E, ao adivinhar sua lógica, poderá
  quase prever seus atos. Sim, porque o padrão
  torna tudo.. previsível. Como num vídeo game.

. Quando você passa uma fase, você aprende aquele
  padrão. E cada vez que você joga novamente, mais fácil
  fica. Chega uma hora que você 'domina' aquela fase e
  pode passá-la a qualquer momento.

. Isso acontece muito nos filmes. Os roteiros de grandes
  blockbusters americanos seguem padrões e são totalmente
  previsíveis. Cada detalhe solto encontra uma explicação,
  cada frase importante é concretizada e repetida no
  fim, tudo é amarrado nos roteiros padronizados.

. É como nos comerciais de TV, que fazem piada, ou nas
  piadas propriamente ditas. Durante os primeiros segundos
  você é levado a  acreditar em uma coisa, vem a revelação
  e aí, no final  você descobre que na verdade era 'outra coisa'.
  Seu cérebro leva um susto, se surpreende e , hahaha, você ri.

. A partir de amanhã, faça essa brincadeira secreta. Não é
  preciso contar para ninguém. Apenas olhe as pessoas a
  sua volta, com as quais você convive e tente descobrir
  que tio de video game elas são, qual o padrão de pensamento
  que elas têm. Veja se você consegue 'pilotar' o cérebro delas,
  se você tem acesso ao joystick, se é capaz de jogá-las.

. Se você conseguir, vai melhorar muito o seu relacionamento.
  Talvez brigue menos, talvez entenda que em alguns casos
  você vai ter que repetir e repetir a fase até achar o truque,
  o atalho, o 'cheat'. FAz parte do jogo.

. Na vida e no video game, o objetivo é zerar o jogo. É chegar
  ao objetivo final. Vencendo os monstros, encontrando
  passagens e, sobretudo, sem causar nenhum mal real a
  ninguém. Apenas curtindo a diversão, o aprendizado, o
  caminho.

  Boa noite, obrigada pela companhia e até amanhã.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h51


Lua Cheia

 Senhoras e
 senhores,
 mesdames et
 monsieurs,
 ladies and
 gentlemen,
 damen und
 herren:

 atendendo a
 pedidos, aqui,
 a lua cheia, 
 vista da janela
 da sala.

Coisa mais linda. Dá vontade de estar na praia, olhando
estrelas cadentes e oferecendo uma lauta ceia para os
pernilongos!
 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h37


Blogger

.Acabei de ver na minha lista de contatos no Orkut que
 hoje é aniversário do Jason Shellen, um dos criadores
 do Blogger.com

.Com a compra do Pyra Labs, Jason hoje é executivo do
 Google.

.Fui lá e deixei meus parabéns para o ilustre rapaz.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h05


Ex-Dinho

. Fui ao cabeleireiro, o W de Higienópolis.
. Atrás de mim, estava Valéria Zolpelo, ex-namorada do
  Dinho, vocalista do Mamonas Assassinas.
. Uma manicure comentava com a cabeleireira:

  - Nossa, eu nem reconheci. Na revista Sexy ela tava
    tão bonita...

.Tirando a marocagem e a fofocaiada, uma coisa chamou
 minha atenção, o número de assessoras que acompanhava
 Valéria.

. Pelo menos, ela está bem assessorada. E, na minha
  opinião, ela é muito bonita, mesmo sem maquiagem
  ou produção.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h17


BBB5

.Hum...a Rezinha, que gostaria de participar do Big Brother,
 já pegou o endereço bbb5.zip.net
 Por enquanto só fotos dela, da família e do cachorrinho.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h04


Selo ou não selo...


Que tal ter um selo
postal com sua foto?
Do seu cachorro? 
Da família?

O site stamps.com faz isso.
Mediante pagamento.

Mas acho que é só
pra gringo.
Ególatra.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h37


Sexualidade

.Entre numa reunião, numa sala de aula, uma festa, um ônibus.
 E você logo perceberá o nível de sexualidade que cada um
 traz. Tem gente que precisa tanto de sexo quanto uma
 samambaia precisa de pizza. Tem gente que parece bem
 resolvido e não toca no assunto porque não precisa. Tem
 gente que parece que só não come a gente porque está
 em público e de roupa.

.A sexualidade de cada ser humano é um mistério, mas junte
 tudo e você terá uma população em eterno crescimento,
 um mercado que movimenta bilhões, do mais inocente
 papai e mamãe com dia da noiva e lua de mel até as
 mais tresloucadas bizarrices.

.Em geral, no mundo corporativo, o sexo fica só para as
 piadinhas no café. Mas, de vez em quando, ela escapa
 do controle de alguém, como uma lente de contato que
 se perde do olhar. E aí, fica todo mundo assim, de quatro,
 procurando no chão, tentando não pisar em cima.

.Sexo é pulsão de vida, Eros e Tânatos é pulsão de
 morte. Entre Eros e Tânatos vivemos, o tempo todo.

.Hoje, Tânatos nos convidou pra almoçar e Eros chamou
 pra uma reunião.

.E eu que só queria trabalhar sossegada....!

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h21


Babilônia, não.

.Não é porque o maratonista brasileiro foi interceptado por um
 louco que ele vai sair por aí inteceptando outros atletas, comenta
 meu amigo Beto, sabiamente.

.Não é porque o louco que o interceptou foi solto mediante fiança
 que vamos sair por aí fazendo justiças com as próprias mãos.

.Não é porque 1800 anos antes de cristo, o então rei da Babilônia,
 Hamurabi, instituiu o código do 'olho por olho, dente por dente',
 que vamos adotá-lo na nossa vida do século XXI.

.Não é porque de vez em quando alguém entar no seu blog ou
 no meu blog, disparando ofensas ou aspergingo veneno que
 vamos sair por aí fazendo o mesmo.

.Somos civilizados. E não é porque de vez em quando um FDP
 tenta nos sodomizar que vamos fazer o mesmo.

. Fui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h47


Aquilo que ninguém sabe

.Tem coisas que o mundo não sabe sobre nosso dia a dia e,
 se soubesse, pouco ligaria.

.São detalhes pessoais de planejamento e adaptação ao mundo
 e ao trabalho, que levam em conta seus sentimentos, seus
 tormentos, seus desejos e frustrações.

.Hoje, por exemplo. Vesti uma roupa de reunião, para dar uma
 boa impressão sobre a empresa que represento e, ao mesmo
 tempo, demonstrar respeito pela empresa onde vou. Assim, 
 calcei um sapato de matar barata no cantinho, estilo chanel,
 areia, de salto alto e bico fino. É lindo.

.É lindo mas dá trabalho, como cachorro peludo. Em função
 do sapato, que não é exatamente feito para caminhar no
 meio das obras do bairro, tive que mudar para um estacionamento
 mais perto. Mais perto e mais caro.

.Em função do estacionamento, que não conheço, não pude
 deixar as coisas no carro, bolsas, sacolas, fitas, etc. Então
 tive que, alegremente, trazer tudo pendurado em mim,
 transformando-me no primeiro jegue de quermesse de salto
 agulha de toda a história das criaturas divinas.

.Além da roupa, também meu cabelo, que está simplesmente
 horrível, norteia minha vida. Para gravar amanhã cedo, sou
 obrigada a fazer as unhas e escova hoje à noite, bem no
 horário em que eu deveria chegar em casa para fazer os
 roteiros.

.Para fazer os roteiros, terei que ficar acordada até alta
 madrugada, mesmo tendo que chegar muito cedo na
 produtora, o que fará com que eu fique com horríveis
 olheiras.

.Para não estragar a escova que farei hoje, terei que
 dormir praticamente em pé ou, se deitada, sem
 amassar o cabelo.

.Ou seja, para trabalhar a gente tem que gastar, tem
 que ter muito trabalho, tem que abrir mão de toda a
 vida pessoal.

.E por que a gente trabalha? Porque precisa do
 dinheiro pra viver, até o dia da aposentadora, caso ele
 venha, para poder, enfim, ter um pouco de dinheiro
 para não ter que ganhar dinheiro.

.TEm alguma coisa errada em tudo isso. Mas agora nem
 dá tempo de pensar. Muito trabalho pela frente, muitas
 reuniões, muitos textos e, tudo isso, de salto alto.

.As mulheres entenderão. E os homens, talvez, achem
 esta explicação didática. Pelo menos, para os homens
 que ainda tentam entender algumas mulheres..!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h59


Até mais.

.Atenção senhores passageiros com destino a uma longa
 jornada de trabalho nesta segunda feira tropical em
 território nacional. Embarque imediato.

.Fui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h21


Nada pode

Ninguém é a favor de censura. Mas tudo tem que ter
uma regulamentação. As empresas de alimentação são
supervisionadas pelos órgãos de controle sanitário, como
a Anvisa, a indústria americana de produtos farmacêuticos
é supervisionada pelo FDA, a propaganda brasileira é auto-
regulamentada pelo CONAR, e assim por diante.

Este blog, como todos, também obedece à regras, aquelas
que sempre estão nos termos de adesão dos blogs, onde a
gente se compromete a não distribuir material pornográfico,
por exemplo.

Por que então a televisão pode tudo? As emissoras de TV
são concessões do ministério das comunicações, como é
que podem simplesmente negar toda e qualquer supervisão
alegando que é 'censura'?

Censura, não, claro, mas usar a palavra 'censura' como
escudo só para ter a total liberdade de exibir as piores
baixarias, as mais vis mentiras e até matérias forjadas
é de uma canalhice sem tamanho. O pior é que as mentes
mais inocentes, mais ingênuas e crédulas, saem gritando
que qualquer coisa é censura.

Toda sociedade precisa ter regras para conviver foi
assim que surgiram os dez mandamentos, senão
ninguém tinha atravessado do deserto em busca da
Terra Prometida!

Quais são os dez mandamentos da TV? Tem alguma
regra ética sendo seguida? Quem será que tem o
poder sobre a tv, as centenas de anunciantes ou
os milhões de telespectadores?

Opiniões, aqui.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h57


Bom dia de sol

.Bad hair day. Dia de cabelo feio. A beleza do dia está
 inversamente proporcional a imagem do meu espelho.
 Hora de operar milagres.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h44


Boa noite

.Pra variar, vou dormir no mesmo dia que tenho que acordar...
 odeio isso. já é segunda-feira.
.Tenho reunião de trabalho, reunião de sócios, reunião de
 criação, reunião de orçamento.
.Não vejo a hora que o dia acabe pra eu voltar pra casa e
 me reunir comigo mesma!

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h36


Palavra com..Bi!

Acredite se quiser: esta tarde,
com a tv ligada, fazendo fundo
para meu pc, vi uma espécie de
game show no Domingo Legal.

O princípio do jogo era o da
batata quente. Os participantes
tinham que dizer palavras iniciadas
por uma determinada sílaba e
passar uma bomba acesa adiante.

Quem ficasse com a bomba no momento da explosão, perderia.

A primeira sílaba era 'bi'. E um participante logo disse "bixiga".
E passou a bomba. Todo mundo aceitou o erro. No dicionário
não consta 'bixiga', só 'bexiga'. Bixiga, como bairro, existe,
mas tinha que ser uma palavra, nome próprio não vale.

Domingo legal; bixiga; e assim caminha a humanidade.
Para trás.


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h52


Manhattan Connection

.Oba, William Waack no Manhattan Connection.
(No crédito estava com um 'a', Wack, mas é Waack mesmo.
 Hoje deve ser o dia dos erros na TV, porque um artista
 plástico no Fantástico escreveu 'natureza' com 's'. ai.
 E agora, um cacófato engraçado que eu não havia
 percebido. O email faleconosco, gera fálico...nosco!)


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h34


Protesto Anti-Bush em NY

.Estava procurando fotos de participantes que estiveram hoje
 na manifestação anti-Bush em Nova York. Achei este blog
 aqui, com fotos bem legais. Deixei um comentário lá.

.Vou procurar outros. Adoro ver fotos tiradas por pessoas que
 estava de fato nos eventos. E pra isso, blogs e flogs são
 perfeitos

.Tem o NYCBlogs, mas são tantos. Este tem fotos legais.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h39


Pergunta:

. Quem fez o cabelo da Glória Maria lá em Atenas?
  O ex-padre irlandês Cornélius Horan?  


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h20


Intelectual d+

.O filme ficou chato. Muito blá blá blá intectual
 muito papo cabeça sobre religião, sexo,
 filosofia, política e o sentido da vida.
 E tudo isso em  francês.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h20


Invasões Bárbaras

 Estou vendo Invasões Bárbaras, 
 produção franco-canadense
 premiado em Cannes como
 melhor roteiro, além de
 inúmeras outras indicações
 importantes.

 Um pai que negligenciou a
 família durante toda a vida
 vê-se à beira da morte. Drama.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h24


Pânico em 3o com Ceará fazendo Clô!

. Super produção, hein?
. Vai dar muito pano pra manga...
. Mas está em 3o. lugar de audiência!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h46


Comunidades contra o irlandês.

                               
  A Roberta Trindade deixou um
  comment no post do Bob Esponja
  comentando que já tinha uma
  comunidade no   Orkut falando mal
  do maldito Padre Irlandês.

  Fui procurar e...  tem um monte!
  Todo mundo fez a mesma coisa!

  Nem consegui entrar ainda
  pra ver mas acho que é uma
  forma de desabafar diante
  de tamanho absurdo.

  A maior comunidade, a primeira,
  estava com 26 membros e a
  menor com um só, o próprio
  criador.

  Só espero não ficar recebendo
  spam de convite pra entrar.

  Já estamos sabendo, tá?
  Boa idéia, bem divertido!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h45


Akidauanus é muito bom!

.Uma coisa eu digo: além de talentoso o Ceará é corajoso.
.Ele disse que entrou com seu índio, da tribo, Akidauanus.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h36


E aí, farofou?

                                                       
 .Comentei outro dia
  que achei horrível
  a nova campanha
  da Credicard que
  usa a marca como
  se fosse um verbo,
  parecendo aquela
  brincadeira de 'tibitar',
  onde tibitar substitui
  um verbo qualquer.

  Além de não ter graça é uma cópia da idéia da campanha da
  Lycra, que também trata Lycra como se fosse um verbo. Nas
  fotos de outdoors de SP, vamos o 'Ela Lycra', e "Eu Credicard
  o melhor da vida".


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h31


Por falar em Pânico..

.O que aconteceu?  O programa estava
 dando 0.7 de audiência só?? Agora tá
 dando 2.0.

Nossa, que coisa estranha! Todo
mundo assistindo Faustão e Gugu.
Mas agora vai o tema "Clodovil" deve
fazer a coisa subir.

PS - Oba, já tá em 6. Melhorou!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h57


Penetras?

.Liguei a tv e vi dois caras ladeando a Preta Gil e fazendo
perguntas como se fossem o Ceará e o Repórter Vesgo.
Em segundos percebo que é uma cópia descarada da
dupla do Pânico, os 'Penetras'.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h51


Promessas de um novo mundo



 .Vi o documentário e comentei aqui que fiquei emocionada.
 Meu amigo Marcos Souza Aranha mandou um email avisando
 que o GNT "reapresenta o documentário sobre os conflitos em
 Israel sob os pontos de vistas de crianças judias e palestinas.
 O jornalista acompanhou estas crianças por cinco anos de suas vidas. 
 Há esperanças de um mundo melhor. Impossível não se emocionar. "

  • domingo - dia 29 às 20h00
  • segunda - dia 30 às 01h00

Quem tem TV a cabo e tem GNT precisa ver. Veja o site.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h52


Irish News Online

 

O Irish News Online já deu a notícia de que os
gregos 'culpam' Horan pelo ataque. Ele chegou
nesta manhã em Atenas, vindo de Londres.

Há centenas de notícias no Google News. Tem
uma foto muito boa, de um fotógrafo da Getty Images.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h22


CNN

. O site da CNN dá como sendo mesmo o ex-padre irlandês,
que atacou Vanderlei.

"The marathon intruder was arrested and identified
as defrocked Irish priest Cornelius Horan. Last year,
Horan disrupted the British Grand Prix F1 race by
running onto the track and was given a
two-month prison sentence."

Ele tem 56 anos, chama-se Cornelius Horan mas atende
por Padre Neil Horan. O curriculo deste louco está aqui.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h10


deus grego


Parece que esse tiozinho de branco faz sucesso lá na
Grécia. Moderninho, né? Sakis Rouvas

(e antes que alguém pegue um pedregulho do chão,
deus aqui é genérico...só uma palavra...!)


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h04


Ironia

.Logo, hoje, Dia Nacional de Combate ao Fumo e o atletismo
 brasileiro, leva fumo! E do grosso.
 Eu já ouvi mil piadas sobre o terrível incidente.
 Aqui vai minha contribuição imbecil, na tentativa de
 aliviar a revolta.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h02


Drudge Report


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Foto da Associated Press. O Yahoo informou que o
atacante era português. Será que é por causa das
cores da roupa? Já disseram que era um ex-padre
irlandês, um italiano...
A notícia está na capa do Drudgereport


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h50


Em casa

.E vendo o encerramento dos jogos olímpicos.
.A pilha de malas que espere.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h39


medalha do barão ...

.não sei, não, se receber a medalha do barão de
coubertin resolve a questão. tinha que dar ouro
pro brasileiro. ou retomar a corrida no ponto em
que estavam quando a brutalidade aconteceu.

.tô chegando em sp


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h57


cornelius??

.juro que nao vou fazer nenhuma piada, se esse
for mesmo o nome do corno que segurou nosso
maratonista brasileiro. em respeito a todos os
cornélios e cornélias que não tem nada com
esse maldito desequilibrado, osama bin laden
de saias, detonando não apenas a medalha de
ouro, mas a maior glória de wanderley.

.o cara roubou a história de vida do corredor,
talvez um momento único, o apogeu de sua
carreira.

.outro assuno: revoltante é saber que, a mídiia, às
vezes, sem culpa, ao noticiar uma barbárie
acaba potencializando, catalizando outras
loucutras. o massacre dos mendigos em sp
deflagrou uma série de outros crimes. li
que um morador de rua foi decapitado em
Sorocaba. O horror, o horror.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h47


Não me conformo

.Já ouvi de tudo no rádio, ue o imbecil e um ex-padre
irlandes, que é um italiano, que é o mesmo que quase
foi atropelado na formula 1. só sei que esse sentimento
de ser roubado injustamente, por um imbecil, é uma
coisa que conheço bem, que você conhece bem, que
todos nós bem conhecemos.

.Mas não podemos aceitar jamais. Conectei sem fio
pra prourar noticias.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h21


Bronze e revolta

TEm que pedir a anulação da prova ou então isso não
é olimpiada. A maratona é o espírito da competição
olímpica na grécia, é história, não pode ser jogada
no lixo assim, com este imbecil roubando o ouro do
Wanderley. Estou chorando de revolta. A pior coisa
do mundo é a injustiça.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h14


que absurdo!!!!!!!!!!!

quem é esse imbecil, filhodeumaputa que segurou o maratonista
brasileiro!!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h01


Lágrimas de ouro

 Todo mundo emocionado, todos nós. Esse ouro do volei
masculino, é um ouro de time, ouro de equipe, ouro de fé,
ouro de todos. Muito bonito mesmo. Dá alegria de chorar.
O melhor do brasil acontece quando cada brasileiro deixa
arder dentro de seu peito, a sua chama, a sua brasa,
o seu...brasil! Queima Brasil! Arde, Brasil! Acende essa
tocha olímpica na alma, acorda esse sol tropical que
aquece e ilumina. Vai na fé, Brasil, que a fé não
costuma falhar!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h02


Bom ouro!

.Ouro olímpico no volei masculino, todo mundo chorando
de sono e emoção
.Lá fora, ouro solar, um lindo domingo de sol.
.O sol, do Brasil!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h23


Boa noite

.Melhor ir dormir.Amanhã tem jogo, tem corrida, tem
tudo. E logo cedo. Até mais, obrigada pela
companhia.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h49


Rádio e TV

.Quando você ouvir alguém dizendo, no rádio e na TV,
'brincadeiras, diversão, prêmios e ainda.. .muitas
surpresas para você!', isso significa que nem o redator
sabe a que o programa veio, qual o conteúdo ou qual
o prêmio que será dado!

.É duro ter que divulgar uma coisa que a gente não
sabe... acontece o tempo todo. Tem quer fazer o
texto no genérico...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h43


RSS

Só pra avisar pra quem usa que o feed do blog já
está funcionando. Atualização de hora em hora.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h37


Goulart de Andrade.

 Acabei de ver uma bela reportagem sobre uso de
 doping no esporte. Nada mais verdadeiro. Por
 várias vezes já vi gente em academia oferecendo
bomba pra aluno. Até pra mim já ofereceram. É o fim
da picada, o supra sumo do contrasenso. O mais
chocante foi saber que o mercado de bomba mobiliza
mais grana que o de drogas como cocaína.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h30


O último Samurai

.Não tinha visto no cinema. Vi agora.
.Vi,não, ouvi. Estava terminando de bordar
uma malha.
.Mas não vou ver de novo, não.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h12


E aí, mandou?

.Dei muita risada agora com alguns queridos leitores que devem
estar sob forte influência da lua cheia. Infelizmente algumas
pessoaas que compreendem errado, tiram conclusões apressadas
ou partem para brigas unilaterais, esquecem de deixar seus nomes
verdadeiros, seus emails de contato ou endereços de sites e blogs,
assim, só posso responder pelo blog, na certeza de que o mesmo
impulso que os leva a atacar no estilo "banzai!" os trará de volta
aqui. Olá tudo bem?

.Ri muito porque acho que eles terão muito trabalho em mandar
emails para o Legião Urbana, a família do Renato Russo, reclamando
da inclusão do produto Coca-cola na música "Geração Coca-cola".
Puristas que são devem sofrer um bocado com a inclusão da marca
mais valiosa do mundo num rock nacional. Aproveito para lembrar
que enviem seus protestos também para Caetano Velloso, ('eu
tomo uma Coca Cola e ela pensa em casamento...'), para os
familiares do autor da letra de Wilson Simonal ('na vitrine um Mustang
cor de sangue...).

.Imagine!Artistas a serviço de marcas americanas! Coca cola nem
mesmo é nacional!

.O mais louco porém, é que eu não disse o nome do fabricante e
sim...do produto! Que beleza, então..todo mundo conhece?

.Mas o mas hilário de tudo isso é que eu estava zoando duplamente,
primeiro, porque exatamente por causa deste patrulhamento que
sofro gratuitamente (por que será que tem tanta gente que
adora brincar de polícia?), eu não posso comer outra marca!
Segundo, que a principal razão era outra!! Eu tô no meio do mato
e aqui não tem delivery!!  A piada óbvia era pizza delivery com
filme alugado.

.Acho que é o stress que faz isso com a gente, né? A pessoa fica
ansiosa e aí, fica cega, conclui coisas apressadamente, não vê
a sutileza. É isso? Caramba...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h48


Tudo bem

A lua cheia está maravilhosa. Mesmo sabendo tanto sobre
ela, ainda assim, parece um milagre. Racionalmente eu
sei que ela não tem luz própria. Mas fica tão linda vestida
com este manto de luminosidade do sol que parece
que a roupa faz parte dela.

Chuckie está tonto, mas já está bem, voltando da
anestesia. Tontinho, tadinho, parece um bêbado.

Mais tranquilos, vamos esperar o jornal nacional
acabar (capa da Veja por fazer 35 anos. surpreendente
já que a Veja é do Grupo Abril, concorrente da TV Globo
com a MTV, a TVA e concorrente da Editora Globo com
a Editora ABril) para comer uma pizza e ver um filme.

Kit mais básico de família brasileira não tem, tem?
Pizza com filme alugado? Bom a pizza, claro, é
Apreciatta...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h22


Aflita

O dia acabou ficando tenso. Chuckie
tomou anestesia e está totalmente
sedado. O anzol saiu, graças à
perícia da veterinária. Só que, vê-lo
assim, sedado, com a língua pra
fora, com espasmos, é bem
aflitivo. Mas sei que passa.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h23


Miúdo

                                         
 Acabei de saber que o Miúdo
 morreu. Fiquei muito triste.
 Miúdo foi meu câmera
 durante muito tempo,
 quando o Showbusiness
 era produzido pela
 Casablanca.

 Grandão de corpo e coração,
 Miúdo era muito engraçado.
 E por ser tão grande, às

vezes seu tamanho chegava a criar circunstâncias inesperadas,
como no dia que tinhamos uma gravação num helicóptero
e descobrimos que ele não caberia. A opção de mudar de
cameraman era bem mais econômica do que produzir
outro helicóptero e assim, fomos sem ele.

Muita gente como eu, deve estar muito triste. Ele era
muito querido e conhecido de todo mundo na tv.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h27


Anzol no focinho (update)

.eu queria fazer um chat agora, depois do programa, que foi
super bem de audiência, aliás, com pico de 2.4, considerado
alto para o horário. (e levando-se em conta que o programa
anterior entregou com 0.3. )mas acabamos de descobrir
aque meu cachorro chuckie tentou comer um peixe
invisível de uma vara de pescar na beira do laguinho e
enfiou um anzol dentro do focinho.

.vamos correr para a veterinária. até mais.

PS - A veterinária vai fechar a loja
e vem aqui. Estamos
apreensivos e ansiosos.
Mas passado o susto, caimos
na gargalhada.


 Ele está com cara de adolescente
que fez piercing sem avisar
os pais e agora está arrependido.
Felizmente ele não está sofrendo.
Está quietinho esperando a
doutora chegar.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h42


Flores do campo

Sempre que caminho pelo campo
colho pequenas flores de mato
que nascem na beira da estrada.

O resultado é um pequeno
bouquet de flores do campo
que coloco num vasinho
muito pequeno, antigo,
que pertenceu a minha avó.

Nas minhas bobagens mágicas
acredito que em algum lugar
ela fica feliz por ver seu vaso
vivo, ocupado e florido. A mágica faz parte do dia a
dia, fecha links entre sentimentos e o universo.

Pelo menos, é o que eu acho.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h26


Nâo deu, né?

Voltamos do passeio e viemos conferir o já esperado
resultdo do volei feminino. No bronze.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h32


Brasil e Cuba

Tá difícil.
Tá difícil
pro Brasil
ganhar de
Cuba.

Tá difícil
pra gente
sair e caminhar
enquanto o
jogo não acaba.

O pior é que
vai chover.

 

Vamos logo com esse bronze aí, ô, mulherada!
Ponto do Brasil. Décimo oitavo ponto. Acho que vamos sair.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h10


Galvão

.É engano meu ou o esporte favorito do brasileiro é odiar
o Galvão Bueno?

.O pior, para ele, é que ficar o tempo todo inventando
'ganchos' em relação ao time de volei feminino só
para chamar o título da próxima novela de Globo,
"Começar de novo", não ajuda em nada.

.Acho que ele é que deveria rever sua posição junto
a seus telespectadores.

.Por falar nisso, a pergunta que não quer calar :

- por que a Glória Maria foi para Atenas se ela não tem
  nada a ver com esporte? ou, se tem, qual o esporte?

- por que não mandaram a maravilhosa Mariana Godoy?
ela era repórter esportiva na extinta Manchete, no SBT,
junto com Luis Ceará, é uma graça de pessoa, delicada,
e sabe tudo sobre todas as modalidades. Fica a sugestão.


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h58


Blog, tv e mundo real

Aqui estão os
filhotes de
boxers da
nossa última
ninhada, todos
dividindo uma
mexerica.

São órfãos de
pai e mãe,
tadinhos, mas
os dois irmãos
mais velhos
cuidam deles
como se fossem seus filhos.

Vamos sair com eles para passear no mundo real. Depois, tem Receitas
da Vida na TV e 'postagem e blogação' no mundo virtual. Até a volta.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h50


Vento

 Dia de muito vento aqui em Aguas de São Pedro, sem sol.
Achei bom. Gosto de dias assim, que arejam a alma.

Dorme-se muito aqui, intensamente, com muitos sonhos.

Na tv, o jogo de volei feminino pelo bronze olímpico. Aqui
em casa, todo mundo achando que Virna está afundando o
time e que Fernanda Venturini não está bem. Durante as
olimpíadas, nós, os juizes de futebol, expandimos nossos
domínios e viramos comentaristas de todos os esportes,
até mesmo os que a gente não conhece. Divertido, não?

Bom dia!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h29


boa noite

Boa noite pode mesmo ter muitas interpretações.
Boa noite pode significar que ele ou ela prefere o sono
ao sexo na hora de dormir. Boa noitei pode ser um
comentário sobre a noite que foi boa. Ou um voto
de que a noite assim será.
Boa noite pode ser um cumprimento sob a lua, pode
ser um alô pra alguém na rua.

Boa noite pode também ser apenas o que é, um aviso
de que a noite já vai longe e a gente já vai tarde.

Então, boa noite.

E até amanhã.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h54


-Não vale! É muita piada pronta!

.O que é isso? Tentativa de desempregar humoristas?
Dumping de piada? Não vale! As notícias jornalísticas
já estão recheadas de piadas prontas. Olha que
absurdo:

- Ricardo Mansur pode ser preso a qualquer momento
por não pagar pensão para sua ex-esposa, Patrícia...
Rolo.

Rolo é o nome dela? Pois deveria ser o nome dele!
Ricardo Mansur fechou o Mappin e deixou muita
gente na ...Mesbla!

Fato é que Mansur não paga a pensão para a ex-mulher
há vários meses. Ouvi no rádio que sáo 81 mil reais
por mês! Isso é que é pensão...! Ao todo, ele já
deve meio milhão.

E sabe qual o nome do advogado que defende Mansur
para que ele não pague a pensão ? Marcelo
Panella. Mas se ele é Panella ele deveria defender
a pensão alimentícia!

Agora, uma coisa é certa, a justiça será feita. Tenho
certeza. Pois o nome do ministro do Supremo Tribunal de
Justiça que rejeitou o pedido de liminar do empresário
que não quer pagar o que deve é Carlos Alberto Menezes
Direito.

E viva o direito!


 

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h20


Rapidim

Viemos muito, muito rápido.
A estrada estava vazia,
como a cidade. Onde foi
todo mundo? Não sei, mas
estava ótimo.

Já estamos em Águas de S. Pedro.
Hora de guardar a comida na
geladeira e desarrumar
as malas.

Muito chato arrumar e
desarrumar as malas.
Muito...mala.

Mas vamos lá.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h53


no carro.

. por incrível que pareça, não tem trânsito.
. vai entender.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h52


Receitas da Vida

Amanhã tem Receitas da Vida,
na Rede TV, 15:45 h, com
D. Elzinha, fazendo o verdadeiro
feijão tropeiro.

Elzinha é um amor, uma simpatia
de mineira, dona do restaurante
d. Lucinha.

Nunca vi ninguém cozinhar e falar de culinária com tanto
amor, tanta paixão. Impressiona, contagia. E dá vontade
de fazer o feijão.

Sem contar que além de falar da história, de explicar
expressões como 'assustar a couve', 'tirar as mágoas
da carne', ela ainda prepara uma caipirinha perfeita.

Amanhã, sábado, 15:45h, na REde TV e no domingo,
meio dia, na Rede Mulher. Visite o site , o blog e
veja o clip.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h31


Instruções pra ver TV

 Assistir televisão acreditando em tudo o que você ouve
 e vê não é uma boa recomendação. Atrás de cada texto
 há um subtexto assim como atrás de cada imagem há
uma intenção. Sim, porque, as pessoas agem diferente diante
das câmeras sem contar que tudo o que você vê é o que
alguém...mostra. Alguém aponta a câmera, alguém escolhe
aquela imagem, alguém edita, alguém aprova. Até as
câmeras de um reality show estão...onde alguém deseja.
Então, vamos a algumas instruções básicas, começando
com os apresentadores.

.Quando um apresentador diz..."mas me fale um pouco
sobre seu trabalho...", ele quer dizer "olha, eu não li
seu release, não sei quem você é nem o que você faz,
então, fala aí porque eu não sei nem o que perguntar!"

.Se o apresentador, entrevistador ou repórter disser
"eu estava pensando numa coisa que eu queria muito
perguntar para você, sobre a qual eu tenho muita
curiosidade" é bem provável que ele esteja
ganhando tempo, pra pensar no que ele vai perguntar.
VAi ver ele não tem  nenhum interesse no convidado,
não tá nem aí e tem que encher linguiça.

.Em algumas ocasiões, o entrevistado vai pegar o
gancho de uma pergunta e mandar um 'inclusive
eu gostaria muito de acrescentar uma coisa que
eu acho muito importante de ser dita, neste seu
programa de grande audiência...'. Fique de olho.
Pode ser matéria paga. O cara comprou o espaço e
o entrevistador não fez a pergunta combinada
que daria na resposta que ele precisa. Então,
ele mesmo faz o gancho.

.Um outro caso de matéria paga e bem combinada
é quando o entrevistador faz uma pergunta totalmente
sem pé nem cabeça, redigida pelo cara que pagou e
assim que ele termina de perguntar, o pagante diz:
"muito boa essa sua perguntar, muito oportuna " ou
'foi muito bom você ter me perguntado isso'. Ele
quer dizer 'foi muito caro pra fazer você me
perguntar isso, mas ainda bem que você fez o
que eu mandei'. E ele responde.

.Quando alguém mostra a cara de alguém ouvindo o
que o outro está falando, o contraplano, é bem provável
que aquela cara tenha sido gravada em outro momento,
talvez, depois do convidado ir embora. É só para poder
editar o áudio, cortado em algum ponto. Para não dar
um 'pulo' na imagem, a gente bota um insert da cada
de quem estava ouvindo a resposta.

.Alguns entrevistadores não sabem como o convidado
foi parar lá, a convite da produção. Em geral, ele
fica dizendo 'hum hum...' e 'que interessante isso',
enquanto lê a 'ficha' na hora. Acontece muito.

.Quando o entrevistador diz 'mas me conte aquela
história de quanto você era pequeno e caiu da
bicicleta...não tinha isso...algo assim?', é que alguém
da produção fez uma pré-entrevista com o convidado
e passou as coisas mais interessantes para o
apresentador, que fica pedindo confirmação do que
ele achou mais legal.

Se você prestar bem atenção vai ver a televisão
de um outro jeito e vai perceber muita coisa que
está lá mas...ninguém vê. Ou melhor, só vê quem
quer ver...! Experimenta!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h18


Antes de partir...

.Estou de saída para águas de são pedro, interior de
são paulo, onde o stress urbano é substituído pelos
bichos do mato.

.Antes de partir, aviso que aquele texto chamado
"Vaidade", que circula pela web, é de minha autoria
e não do Herbert...como? eu já tinha dito isso?
Mas tem tanta gente que ainda me pergunta "mas
se não foi ele...quem foi?", que eu achei que não
tinha sido clara o bastante!

.Meu marido chegou em casa e disse que recebeu
dois emails com este texto e achou muito bonito.
Ele acha que quem roubou o texto foi um garoto,
que isso é coisa de moleque.

.Se foi é bom sinal, os moleques estão gostando
de texto poéticos e sensíveis. Mas eu tenho
minhas dúvidas. Acho que foi mulher.

.Mas acho mesmo que tá na hora de parar
com esse papo que já rendeu e escovar
os dentes.

.Se você puder, invista numa pasta de dente
pessoal, cara, mas que dura muita e é excelente, Crest Kids
em Gel, azul, deliciosa. Vale o investimento. Você vai
economizar no dentista. Vai escovar mais vezes porque
é gostoso.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h58


Começo do fim...

...de semana!



Agora,sim. Medalha no peito, ócio na alma, descanso pro
corpo.
Aproveitei pra visitar o site do Rodrigo Pessoa. É lindo.
Na capa tem ele e...Baloubet. Achei o máximo, já está
atualizado, com a medalha de prata que ele ganhou hoje.

Agora...o inglês, tá fraco. Se tiver professor, bom aluno,
tradutor de ingleês por aqui, vai sofrer. Bom, vai ver é a
emoção. Quando nasceu a filhinha dele, no dia 2 de agosto
escreveram assim:
She born today, August 2nd,...

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h23


quase

.o expediente está terminando
.a vontade de trabalhar já era
.o cérebro já desligou ou então o servidor de
idéias caiu.
.estou operando por instrumentos ou melhor
entrei em estado vegetativo
.sou uma vegetal, uma berinjela, uma abobrinha
.agora é só encontrar um vizinho quem me regue
no fim de semana!

E pra você? O que acabou primeiro? Você ou a
semana?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h24


Oba

Oba, prata no hipismo
com Rodrigo Pessoa e
final de vôlei masculino
chegando ao ouro?

Alegrou a galera aqui.

O dia tá tão pentelho
que essas notícias
servem como verdadeiras
bóias de salvação.

Não chega a ser um Titanic,
mas dentro do universo
dos meios de transportes
digamos que meu saquinho
já está na lua a essa hora do dia. E ainda tem um reunião que
vai começar.

Estou sem almoço. Com duas barras de nutri e um saquinho de
clube social dentro da minha pessoa. Com um café preto por
cima.

Falta de auto-estima, falta de lanchonete por perto e excesso
de trabalho. Sobreviverei.

Fonte da imagem

PS - Eu deveria ter jogado fora esta primeira idéia. O que
pode ser mais óbvio do que o Mutley pensando medalha,
medalha, medalha pra falar de medalhas olímpicas?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h53


Tô fora!

Como? "internautas acostumados a navegar pela
web em alta velocidade exigem uma resposta
quase que instantânea em outras áreas
de suas vidas também"?


ah, então eu estou fora disso.
minha banda larga parece mais com a bandinha que
acompanhava o Otávio Mesquita nas gravações.

deve ser para o meu bem que o serviço da minha banda larga
é tão lento, pra me manter calma. será que eles fizeram
uma ação cooperada com a aula de yoga, pra me deixar
assim, forte, resistente e paciente?

Banda larga mesmo eu só usei uma vez 'nos Istêites.'


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h42


putzquelosparaculos!!

.Ou a gente fala a coisa ou não fala. Porque meia coisa na web
vira outra coisa.

.Só sei que eu acho se eu soubesse como seria minha sexta
feira à tarde eu teria adquirido uma dor de cabeça e ficado
em casa, nem que fosse pra engordar comendo bolacha Maria.

.E pra acrescentar eu diria que às vezes você pode não
gostar de uma pessoa mas admira o talento dela. Outras
vezes você pode gostar da pessoa e mesmo assim ver seus
defeitos. Mas, em alguns casos, tem gente que faz tanta
questão de ser nojenta que o relacionamento não apenas
se torna indesejável como a distância vem a ser uma bênção.

.Caso você esqueça, aqui vai um lembrete: o mundo tem
gente muito escrota entre seus habitantes. E eu não estou
falando apenas de antipatia. Bleargh!

.Será que a Maligna do Feltrin terceiriza cabongadas? Estou
contratando duas.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h29


Professor, dúvida!

.Gente boa não consegue ficar muito tempo em lugar ruim?
.Gente ruim não consegue ficar muito tempo em lugar bom?

(fiquei pensando nisso depois de ler notícias sobre algumas pessoas que
foram demitidas, pediram demissão, pediram a cabeça de alguém
ou simplesmente desistiram e partiram)

ei, o post sumiu e voltou e os comentários também?
sinistrooooo

PS - O problema é que muitas vezes a gente precisa, muitas vezes
a gente demora pra perceber e em outras vezes, quem é ruim logo
percebe que quem é bom é uma ameaça e ...pimba!

PS - E você? É gente boa? Trabalha aonde, lugar bom? Estuda
aonde, em lugar bom ou rim?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h12


Demora, não?

.Não conheço Londres,
ainda, mas achei que
fosse mais perto.

.E mais rápido, no sentido
da moda chegar de lá até aqui.
.Fato é que o Beto, sócios
e amigo, trouxe de Londres
em setembro de 2002,
um Head Ecstasy, chamado
também de osgamotron.

.Dois anos depois,
tem spam na minha
caixa postal vendendo
o produto. Sem contar
que agora há pouco
passei no semáforo
e vários ambulantes
vendiam o orgasmotron.

Demorou...
 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h54


Fumo

.Ouvindo o Pânico no caminho até aqui, notei que todos
os membros do conselho criticavam a atuação do Brasil
nas Olimpíadas. A cada modalidade, avisam que o pais
levou fumo.

.O melhor do brasil é mesmo o brasileiro? a torcida mais
ingrata do mundo.

.Quando você acerta, não fez mais que sua obrigação.
quando você erra, você é um bosta.

.Quando alguém gosta do que você faz, ela rouba sua
autoria. Quando ela não gosta do que você faz, processa.

Caceta...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h39


Day after

.Sempre reclamo aqui de uma dor que sinto na região
compreendida entre a nuca e o calcanhar. Pois hoje,
depois da aula demo (demo de demonstração ou...?)
de Astanga Vinyasa a dor ampliou-se um pouco. Agora
dói da moleirinha até a ponta dos artelhos. Mas eu
gosto.

.Masoquista, eu? Não era pra contar. Mas tudo bem,
agora que estou aqui, exposta e humilhada, com
meus defeitos à mostra, deixa que eu sofro...

.Laboratório de exame clínico é sempre tão...tenso.
E o avental de chumbo tão...denso.

.E a sexta-feira é sempre tão...caótica.
Mas deve ter sido a influência...antiséptica.!


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h22


Exame

.Olha que programão: ir a laboratório fazer raio X, tirar
sangue, ir para o trabalho, fazer uma reunião e em
seguida, uma apresentação numa concorrência. Espero
que o fato de literalmente, 'dar o sangue', resulte num
novo cliente!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h04


"Alemão recebe mandíbula crescida em suas costas"

.É assustador e ao mesmo tempo, maravilhoso, o rumo
que a ciência está tomando. A idéia de você criar em
seu corpo um pedaço que você poderá implantar em outro
lugar é incrível e até, engraçado. Imagine, se além de
barriga de aluguel surgir o sovaco de aluguel!
Notícia, aqui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h01


Anti-virus

De vez em quando é bom passar um anti
virus online. Há anos uso o link do
housecall, www.housecall.antivirus.com

A primeira vez é mais demorada, mas
vale a pena. Responda o nome do país,
e siga as instruções, aceite o download do arquivo,
deixe que o download se compete e ative o autoscan.
É muito bom. Uso e recomendo há anos. Estou passando
o antivirus agora.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h36


A 1a. idéia a gente deveria esquecer!

.Diga "a bela e a...." e todo mundo dirá a 'fera'.
.Peça para alguém dizer o nome de uma fruta com U e
todos dirão...'uva' (tem outra??)
.Mande alguém associar um nome à Eva e todos dirão...'Adão'.

A primeira idéia que vem à cabeça pode ser correta mas é a menos
original. Serve para dar a resposta certa na prova mas não para
gerar ações criativas. As primeiras idéias numa reunião de criação
podem ir direto para o lixo, são as mais óbvias. É a idéia que todo
mundo vai pensar.

A segunda, a terceira e, segundo algumas teorias até a vigésima sétima,
também devem ser descartadas.

Senão acontece o que a Paulinha  Nicolay me passou por icq:

- Um jornalista de um grande jornal teve a 'idéia', nesta
época de horríveis assassinatos de moradores de rua, de
se vestir de mendigo e passar uma noite como eles. Na
hora de dormir, adivinha? Reconheceu um monte de gente...
era todos... jornalistas!!! Que tiveram a mesma idéia!

Seria cômico se não fosse trágico, sério. Mas serve como
lição. Se tiver que ficar com alguma primeira boa idéia,
que seja só o primeiro sutiã.

Mais um exemplo? Para ilustrar este post sobre idéias,
qual seria a imagem mais óbvia para colocar? Acertou!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h24


Lendo as notícias

.Aqui tem um print screen do Rss Reader, um programa para
ler notícias como se fosse um 'outlook express' de links. No
lugar das pastinhas, os feeds, os canais. No lugar da lista
de emails com data, remetente, assunto, as manchetes de
cada canal. E abaixo, o mesmo painel do outlook onde você
lê o email antes de abrí-lo. Veja aqui. Neste link

.É muito prático.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h06


Queridos Leitores,

- George Patrão, pode usar o texto que quiser é só dar o
crédito e link, se for uma página eletrônica. O post original
está aqui em imagem ou aqui, no original sob o título
"No trabalho e...chocada"

- Virginia, eu também ouvi a Paula Lavigne dizendo que
a assistente dela levou uma 'coroada' na cabeça.
Mas acho que era porque ela estava com 'o sistema nervoso'!!


- Roberto, como você vê, no caso do ser humano que copiou
e espalhou meu texto sem meu nome e colocando o do Herbert
Vianna, gerou tantos novos leitores e amigos que só podemos
concluir que há 'malas' que vêm para o bem!

-Jan, o texto 'Vaidade' é de minha autoria. Você não encontrou
a resposta no blog? Então acho que não fui clara.

Boa noite, Renata. E agora, bom dia!
Obrigada pelo toque do comentário do Feltrin,
ele é um ser humano maravilhoso.

Bom dia a todos. Hoje é sexta feira!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h01


Bom dia!

.Sonhei que eu estava na Suiça, no mesmo hotel que o
Silvio Santos.
.Era um hotel muito antigo mas de qualidade, no meio
do nada.
.Luana Piovani estava lá, de passagem
.Não me pergunte qual a ligação entre as coisas mas
o principal personagem do sonho eram ...besouros
.Eles andavam por todo o chão do hall de entrada do
hotel e parecia ser algo normal.
.Besouros??
Bom dia!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h40


Adriana Calcanhoto

.Está no Jô.
.Sou muito muito muito muito fã desta mulher.
.Adoro a Calcanhoto.
.Agora só posso dormir depois que acabar a entrevista!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h44


Boa noite

Foi um dia intenso, sim. Muito intenso. Mas acabou.
O bom é que amanhã, tem um novinho novinho...
Adoro a vida!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h41


Kenji!

Kenji, kenji, kenji!
Mil vezes obrigada Kenji!
O que ele fez?
Resolveu o problema do meu 'feed'.
Agora o blog está, novamente,
'rssficado'.
Eu também não sabia o que isso
queria dizer até o dia em que a Bia Kunze
me ensinou.

Obrigada Kenji, gênio, que resolveu tudo!
>Agora, tem que clicar aqui, o Kenji
pediu. Pedido dele, é ordem!

Mas que agora funciona, funciona.
Adicione o feed do blog no seu Rss reader.

 PS - Leia sobre o tema aqui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h32


Astanga

Fiz yoga durante muitos e muitos anos. Mas isso também foi
anos e anos atrás. (Ou a gente usa 'anos atrás'
ou 'há anos' o que não pode, eu aprendi, é usar
'há anos atrás', que além de estar incorreto é um
pleonasmo homófono, porque todos os anus
são atrás...)

Há pouco tempo, resolvi fazer pilates, por influência de um
amigo, o Marcelo Nepomuceno. Agora, por influência de
outro amigo, Arthur Veríssimo, voltei a fazer Yoga. Eu sou
muito influenciável por amigos caros e cursos baratos.

Seria injusto fizer que estou copiando Madonna porque eu
tenho um nome judaico antes dela ter o seu e estudei
no mesmo centro de cabala onde ela estuda anos antes. Fato
é que eu sempre fui fã da Madonna. Pena que ela não é minha
amiga senão eu diria que fui influenciada por ela...

Antes de começar a fazer yoga, fui fazer uma massagem
ayur-védica no centro vidya. Valeu muito a pena. Fiquei
com Emma Thompsos em todo o corpo, imensas manchas
roxas que agora já estão verdes. Engraçados os hematomas,
amadurecem às avessas.

A massagem mexeu muito comigo. Melhorei muito. A
coisa mais intensa que já fiz na vida. Assim que parar
de doer vou fazer de novo. Sou masoquista? Acho que não.
É que a parte boa é tão boa que nem se compara. Nem
mesmo à dor tão intensa.

Estou fazendo Astanga Vinyasa Yoga. A explicação
é linda. Aqui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h00


Acontecimentos

.Não vou entrar em detalhes, mas queria comentar algumas
coisas sobre todo esse episódio que quase me fez virar
Rosana Herbert: uma amiga minha chegou toda contente
depois de ler a manchete na capa do UOL e perguntou:

- Nossa! Como você descobriu que o texto não era do
Herbert Vianna??

Uma outra querida amiga mandou um email dizendo algo
semelhante:

- Mas você só descobriu que não era dele ou já sabe de
quem é?

Um rapaz com pressa de ofender não leu o post e nem o
motivo pelo qual suprimo a letra 'e' na palavra D'us e já
veio com aquela pedra típica:

- Você é jornalista e nem sabe escrever! Come as letras
na palavra D'us!

Teve também a senhora sem amor no coração que disse
num comment que eu era sempre humilhada no programa
Show Business e tentou me humilhar um pouco mais ao
dizer que era tudo uma grande armação que nós (?)
fizemos. Nós? Herbert e eu?


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h51


Vila Olímpia

Esta é a vista da janela da
sala do Giovanni, na Synapsys:
- a Funchal, na Vila Olímpia,
parecendo a faixa de Gaza.

Ontem, quase tive a cabeça
decepada por uma
retroescavadeira giratória
operada por alguém que
devia estar brincando de
video game em 3D.

Ninguém pode entrar com o carro
no prédio.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h24


Flog

.Agora fiquei honrada. O Robson colocou uma foto minha ao
lado de uma foto do Herbert Vianna. Eu nunca cheguei
perto dele ao vivo, mas na montagem, estou colada!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h15


TV

.Já li um monte de fofocas sobre TV hoje. Como a saída de Luciana
Gimenez do programa ao vivo, atribuída a uma briga com o
diretor por uns e a uma virose por outros. Fato é que ela
'virose' de costas e foi embora

.Depois, li notas sobre Otaviano Costa na geladeira, Suzana
Vieira sendo mal-falada no Projac, Isabella Suplicy escolhida
como doceira oficial do casamento de Angélica e Luciano Huck,
o assalto à empresa de Paula Lavigne. Li tanta coisa que
não sei mais dizer o que estava aonde.

.Mas o texto que mais gostei foi um sobre um estudo feito
na Espanha: anunciantes estão descobrindo que vale mais
a pena anunciar em programas de qualidade e dentro de
programas de TV. Ou seja, é exatamente a linha de Branded
shows que estamos fazendo. Fiquei bem feliz. A matéria é
da Gazeta Mercantil, mas eu não tenho o link.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h55


Documentário

Estou vendo um documentário na GNT, Promessas
de um novo mundo, o conflito entre árabes e
judeus sob o ponto de vista das crianças. Achei
lindo. Chorei no final, quando um menino judeu e um
menino palestino aceitaram falar pelo telefone. Dois
meninos procurando coisas em comum. E encontraram,
na copa do mundo, ambos torcem pelo Brasil!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h29


Janelinha Azul

 Durante todo o dia o sistema de
 comentários do Falou & Disse
 esteve fora do ar. Não sei se
 a culpa foi minha, se foi o alto
 número de acessos simultâneos
 que derrubou o servidor.

 Pode ser, porque até agora foram
 mais de 84 mil visitantes únicos
 só hoje. Só sei que quando eu
 tento entrar no site do F&D,
recebo esta mensagem acima, que não tem nada com servidor
'down' e sim com falta de pagamento. Será que o Fábio tá com
problemas pra pagar o servidor? Se for, vou pedir doações.

Ooooops, tem uma mensagem do Fábio no blog do Falou e
Disse, que explica o que aconteceu:

Explicado está. Enquanto a janelinha azul não voltar, vamos
ficar só com o sistema de comentários original do blog. Obrigada.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h33


Palhinha? Palinha?


eu sempre quis saber qual a forma certa para
expressar esta 'amostra' musical de um artista. A
gente diz 'dar uma palinha', diminutivo de pala ou
é dar uma 'palhinha', como está na chamada da
home do UOL? Nunca soube. Por isso, nunca escrevi
a palavra. Como não tem mais Aurélio online eu
procurei no Houaiss. Não constava nada em
'palhinha' relacionado com música, show, arte.
Só este sentido:

Derivação: sentido figurado.
     coisa de pouco valor; ninharia

Em 'pala', encontrei:

Regionalismo: Brasil. Uso: informal.
     m.q. dica

Qual será o certo?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h24


Ob@!

 Voltei pra casa. Voltei pro blog. Tudo voltou ao normal.
Confesso que achei meio assustador encontrar 2256 pessoas
online ao mesmo tempo. Vou espiar agora, bem devagarinho
pra ver como foi a visitação total do dia. Vou montar uma
palestra com este 'case' de comunicação.

Transformar um fato em objeto de estudo e análise é uma
boa estratégia para fugir da armadilha da vaidade achando
que a gente blá blá blá.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h06


Aula

.Fui para uma aula. Até mais tarde. Já avisaram que está na
hora de trocar as manchetes da home do UOL. Assim, a chamada
vai sair, o número de leitores online vai voltar ao normal, como
a vida e o ritmo do blog. Aos novos queridos leitores, boas
vindas. Até mais tarde.

PS - Tirei o script dos comentários do F&D porque o servidor
caiu mesmo. Então, até que ele volte, só os comentários
originais do blog estarão ativos. obrigada.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h26


Blog

. Escrevo muito no blog, muito mesmo, patologicamente talvez.
. Por isso, quando um assunto fica maior do que o blog e sua
 comunidade acabo estranhando o fato de não postar durante
 o dia, para deixar o tema principal bem na entrada.
. Dá aquela sensação de cena clássica de filme de ação,
 quando o personagem chega em sua casa e encontra a rua
 fechada com faixas, uma multidão em volta, toda a imprensa
  do lado de fora e o cara ali, sem poder entrar.
. Mas é só enquanto estiver com chamada na HOME do UOL.
 Só na última hora entraram 12 mil visitantes únicos. Se o blog
 tivesse este ritmo seriam oito milhões e setecentas mil visitantes
 únicos num mês. (aqui) E depois tem gente que não acredita na
 Internet como mídia. Poder a rede tem; depende mais de como a
 gente usa a rede.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h08


Vaidade e Identidade: eu não sou Herbert Vianna

Se você entrou
pela home do
UOL, o post
com o título
acima, está...
logo abaixo.

Muita gente que
entende e defende
o direito à
autoria tem
publicado notas
em seus espaços sobre este caso que é só mais um nesta
vasta internet. Aqui, alguns links que apoiam a causa:

- TVer, ong que discute a tv brasileira.
- Tecontei , sobre TV

um beijo, um browse, um aperto de mouse
da
Rosana Hermann



Update -

.Acho que o servidor dos comentários caiu. Reativei os
 comentários do UOL. Agora tem duas janelas para
 comentar, a do UOL e a do F&D. (14:18).


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h59


Limão

.Tem sido uma experiência pessoal incrível receber e
responder centenas (sim, já são centenas) de emails
esclarecendo que focinho de porco não é tomada,
dobradiça não é borboleta e o o texto não é do Herbert.

.Tem gente que responde pedindo desculpas embora
não tenha culpa de nada, tem gente que responde
de forma burocrática, tem gente que vê o link do
blog, visita e gosta. Tem gente que responde com
pedras na mão. É muito legal ver o humor do dia
das pessoas. A maioria é legal.

.Tem sido uma grande experiência fazer uma
limonada.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h02


Bom dia

.Aeroportos fechados em SP por causa da neblina
.O dia está tão sem graça que nem chega ao cinza, está bege
.Tive sonhos pesados: sonhei que eu estava com um carro
 emprestado e...roubaram o carro.
.Será que foi influência do roubo do texto?
.Pode ser. Pensei até em colocar um aviso para ladrões
 da mesma forma que os sites de compras fazem para
 os consumidores: "as pessoas que roubaram este texto
 roubaram também este outro" e uma lista de sugestões.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h08


Obrigada!

 

.Achei bacana o apoio do pessoal do blog do UOL,
colocando chamada na capa de entrada do blog.
Valeu mesmo. Obrigada também a todos que
estão encaminhando emails, respondendo às
mensagens e buscando sites e blogs na web que
replicam o "vaidade".


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h50


Vaidade e Identidade: eu não sou Herbert Vianna

.Acompanhe neste post o que vem acontecendo com o
texto "vaidade", um post emocionado que escrevi neste
blog e que está sendo replicado em toda a Internet
como se fosse do Herbert Vianna.

Vou escrever tudo aqui.

- No dia 02 de julho, uma sexta-feira, li uma
manchete que me deixou abalada:"Cantor do LS Jack é
internado em coma no Rio após lipoaspiração"
. Um rapaz tão jovem,
tão bonito, passar por uma coisa dessas por causa de uma
lipo?

- Senti uma dor profunda por todos nós, escravos de uma era,
de um mercado, de um mundo, que exige de todos nós uma
perfeição física que não podemos dar e que ao invés de
produzir consciência sobre saúde, nos leva à loucuras e
doenças, como bulimia, anorexia, como a culpa de todo
dia, como o desespero das cirurgias.

-As 12:36h, num fôlego só, escrevi um post sobre isto,
chamado "No trabalho e chocada", aqui mesmo neste
blog, neste link.  

-Os queridos leitores comentaram e, 7 minutos depois,
fiz outro post, assim que descobri que meu amigo
carioca André Braun, é amigo do Marcus Menna.
André me contou que ele é casado e tem uma
filhinha ainda bebê.

- Ontem, dia 24 de agosto, comecei a receber
mensagens, comentários e emails no blog, me
avisando que este post havia sido publicado
no Orkut, assinado por Herbert Vianna.

- Estranhei e fui procurar na web. Imediatamente
achei blogs replicando o mesmo texto que escrevi
assinado por Herbert Vianna e adulterado. A pessoa,
a primeira, a que tinha a má intenção de tirar meu
nome e o contexto, suprimiu a última frase "PS - Desculpe o
desabafo, o texto em um fôlego só. Mas sabe, isso é um blog."
tirou meu nome, mudou o título, colocou uma frase do
Herbert Vianna no final e assinou com o nome dele.

-A má intenção ficou clara porque eu não escrevo o nome
de D'us completo, por uma questão pessoal mesmo. Assim,
suprimo a letra 'e', tornando a palavra D'us impronunciável.
Ou seja, não foi um 'cortar e colar', a pessoa de fato
mudou meu texto e sobretudo, tirou meu nome

-Por que será que alguém faz isso, roubar o texto e
a autoria? Com que intenção? Ela deve gostar do texto
senão, não copiaria. Quem é a primeira pessoa que
toma a decisão de tirar meu nome e colocar Herbert
Vianna? Por que não 'Luis Fernando Veríssimo', o
preferido por tanta gente que rouba textos de
humor? Ah, entendi o critério! Quem rouba texto de
humor usa o Luis Fernando e quando é texto de
amor, rimado, é Herbert Vianna...

- Pensei muito sobre este fato, principalmente por
causa do título 'Vaidade' que foi colocado depois.
É só vaidade? Não basta ver a 'mensagem' espalhada?
É bom ver uma mensagem pessoal sendo replicada ou
aceita. Mas me sinto roubada no meu sentimento, no
meu próprio blog. Vivo do que escrevo, é a minha
profissão. Não é só vaidade, é a minha identidade.

-Decidi escrever este longo post e levantar este
tema, porque muita gente é roubada todos os dias
em seus blogs, muita gente mesmo. E minutos antes
de chegar em casa, meu amigo André Braun me
ligou no Nextel e disse que estava na faculdade, onde
alguém leu o meu texto, assinado por Herbert Vianna,
sob aplausos da platéia.

- Admiro muito o trabalho de Herbert Vianna e acho
que ele também se sente desrespeitado ao ver seu
nome assim, embaixo de algo que não fez, como
artista, assim como eu, escritora, não fico nada
feliz em ver um post meu, com outro nome assinando,
com ou sem aplausos.

- Queria levantar esta questão, pra que todo mundo
que frequenta a web, que tem blog, discuta esta
questão da autoria.

Meu nome é Rosana Hermann. Sou fã de Herbert
Vianna e este texto é meu, é deste blog. Entre
quando quiser no blog, a casa é sua.
mas por favor, não atire na dona da casa.

PS - Os Queridos Leitores avisam que Marcus Menna
acordou e já fala com a família. Graças a...D'us.

PS2 - O número de blogs, fóruns, emails, com meu texto
e a assinatura do Herbert Vianna, não pára de crescer.
É inacreditável. Me ajuda?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h28


Alma

.Recebi um texto para aprovação e ... ele não tinha
alma. As palavras estavam lá mas eram só palavras.
Sem vida. Sem espírito. Tem gente que não nasceu
para escrever. Já viu gente que cozinha sem gosto?
Toca sem desejo? Dança sem vontade? Assim.

.Em compensação, falei com o Arthur Verissimo,
o espírito sincrético de todas as alegrias. Ele vai
para o Rio de Janeiro fazer uma foto com todas as
Chacretes! parece que só falta localizar uma
delas, a Catatau. Alguém sabe do paradeiro?
Não vou perder essa matéria na Trip.



 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h24


Lula recebe colar.

imagem do site www.sindicafesp.com.br/.  O presidente recebeu uma condecoração
 em Quito, o "Colar da Ordem Nacional ao
 Mérito do Equador".
 
 Lá em casa, o máximo que eu consegui foi me
 mandarem pros Quintos e ganhar um colar de
 contas a pagar e um monte de ordens pelo
 mérito do coador!

 Olha que não é café pequeno!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h10


Sapo de 5 pernas.

ilustração original deste site funtocollect.netNão beija, não beija!!!
Acharam um sapo de 5 pernas!

Uma menininha americana
achou, lógico, numa lagoa.

Será uma mutação?
Será que ele se alimentava
de fast-food?

Se o sapo não lava o pé tendo
4 patas, será que ele lava
o pé tendo 5?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h25


Cópia e Crédito



.Sabe o maldito blogger.com.br que limitou o espaço e matou
os blogs que a gente tinha? então, eu tinha um blog sobre
flashmobs na época em que o inferno era gratuito e tinha
anjo tocando lira na porta.

.Fui ao webarchive.org e achei a página tal qual era.

.E eis que vejo num blog do rj sobre flashmobs, um post
inteirinho copiado lá. Mas com link para o meu. E uma
frase lega do tipo "post descaradamente copiado do
FlashMob de sampa"

.Tá vendo? Gente bacana gera gente bacana.
Gente lesa gera gente lesa!
E todo mundo fica lesado!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h00


Ouro de Todos!


.Não, não é ouro de tolo, é ouro de todos mesmo.
.Sim, eu sei a medalha é dos meninos, mas a gente
pode comemorar.
.Queria muito estar lá pra ver ao vivo,a vitória
.Tá vendo? Nâo tem nenhuma vantagem em ser
um hetero comum! Bom mesmo é ser enviado
especial!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h33


Salto alto, saia justa e cabelo liso

.Não é por estar permanentemente na minha presença mas
hoje, me arrumei toda, almocei bem, fizemos ótimas reuniões
e só não jogo na loteria porque não quero desestabilizar
minha vida com uma avalanche de dinheiro ganho na sorte!!

(até parece)

.Bela quarta-feira de sol em São Paulo. Há tempos não via
um dia assim. Ou será que sou eu que ensolarei de vez?

.Bom, que diferença faz?

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h26


FlashMob no Orkut

ah.... então foi isso!
fizemos nossas flashmobs muito prematuramente...´

tinha que esperar surgir o Orkut, fazer uma comunidade
e avisar todo mundo!

PS - Esse aqui foi o nosso, do murilo, meu e do poperotico

Aqui tem um blog da época, que já está em arquivo. Tem
outra matéria aqui, uma foto aqui, e mais outra,


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h40


Holanda!

. Eu amo a Holanda!
. E adorei o blog Holanda Brasil.
Desde criança, sonhava que eu era Holandesa.
Quando fui pra lá, me emocionei. Eu sou de lá.
Não sei dizer que foram vidas passadas mas
sei que foram férias bem passadas!

Parabéns Liduina. Só que agora...eu quero
queijo!!

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h13


DESEMPREGO CAIU MESMO

. Verdade. Deu pra sentir. Já arrumei um detetive voluntário
que abriu mão do salário pra me ajudar!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h09


Rosana Vianna


. Vou fazer uma limonada. Por favor,
encaminhe todos os emails que você
receber com aquele texto sobre Vaidade,
que postei aqui no blog, comentados por
tantos queridos leitores, para:

rosana@gmail.com

com a linha de assunto: querido leitor

. Vou documentar tudo e transformar
isso numa pauta pública.
Obrigada. Por favor, me ajudem a
documentar tudo. A partir de agora,
vou colecionar tudo o que é meu e já foi roubado.

PS - Quero contratar alguém para me secretariar neste assunto, 
para quem juntar tudo, mas tudo mesmo
para mim, tudo salvo, documentado, com links, texto, emails, sobre este
caso. Quero documentar isto como um 'case'. Vou preparar uma palestra
sobre isso. Talvez um fórum, não sei. Pago também para quem levantar
e rastrear os outros casos de roubos, como o do The Summer Is Tragic,
o Minha Inguinorância é pobrema meu e outras colunas antigas do HT.

OBs - Teca, preciso de alguém que trabalhe nisso, não como favor. Favor
eu aceito, claro, mas se alguém puder organizar tudo e secretariar o
job, como um estágio, fica mehor.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h24


Homônimos

. Juca Kfouri usou bons minutos de seu programa esportivo
no rádio para esclarece um possível mal-entendido. Um
candidato a vereador em sp, chamado "Kfouri", usa como
slogan "este nome você conhece". Tomando todas as
precauções para não cometer injustiças, Juca disse que
é possível que no bairro onde ele mora seu sobrenome
seja mesmo conhecido. Fato é que para o mundo da
comunicação o nome Kfouri mais conhecido é o do Juca,
que disse não ter nada a ver com o candidato em questão.
Mas fica difícil dizer que houve ou não má intenção.

.Hoje, passando pela 23 de maio, importante artéria de
ligação entre bairros aqui em S.Paulo, vi um outdoor com
a foto e o nome de uma candidata a vereadora de nome...
Bilú Villela, a 'defensora dos bingos'.
Na hora abriu um pop up na minha memória e
Milú Villela apareceu de tailleur no meu cérebro. Será que
a pessoa aproveita-se da semelhança de sons? Será que
a pessoa já se candidata pensando nisso? Será?

.Para saber se Bilu Villela é ou não conhecida, googlei-a.
E o google pergunta: Você quer dizer...Milu Villela?
Até tu, Google!!!

.Em seguida vejo que um site do sebrae já levantou esta exata
questão. Está tudo lá. Candidatos de nome Hebe, Miele,
Antonio Fagundes, entre outros, pegando carona nos
famosos, voluntária ou involuntariamente. Vale a leitura.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h12


No trabalho

Finalmente cheguei. Pensei que não sobreviveria aos
'anforamento', como são chamados os congestionamentos
nas histórias do Asterix.

A mágica, porém, continua. No stress. Não é uma decisão
interna é um acontecimento. Aguento o trânsito e não
me irrito. Fico me perguntando se é um efeito passageiro
ou se minha configuração interna mudou mesmo, se tenho
um novo I.P. fixo para a programação mental.

Só sei que estou gostando muito. Viver centrada, no eixo,
é bem legal.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h33


Tuning?

Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h00


Daniel Castro

Está na coluna de hoje do Daniel Castro, da Ilustrada e
deve virar assunto de bebedouro da firma, conversa de
padaria, piada de boteco, comunidade no Orkut e pauta
de jornalista:

Veto
O programa "Pânico na TV" foi proibido pela direção da
Rede TV! de satirizar Clodovil Hernandez. Na semana passada,
Clodovil ameaçou deixar a emissora caso as piadas
continuassem. A Rede TV! não comentou o assunto oficialmente.

Link Aqui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h55


Sorte

 Se pintar uma
 irritação, uma
 inquietação
 incontrolável,
 se você não
 souber onde ir
 o que fazer,
 onde clicar,
 clique aqui no
 botão de
 Pânico.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h44


Atchim!

- Saúde.
Ou falta de.

Amanheci assim...Atchim!
Sem contar o soneca...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h31


Boa noite

Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h17


Astros

Já falei de estrelas. Agora vou falar de astros. Ou melhor,
de astrologia. Ivan Freitas vai dar um curso em São Paulo,
     no dia 20 setembro. Você encontra todas as informações aqui
     E para saber por 5055-2800 é só passar o mouse na figurinha!
     
     Lindo o nome do site, Humaniversidade.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h15


Quem?

 Responda rápido: quem é a moça da foto?
 Tá bom, tá bom, forcei. Mas que parece
 a Luisa Mell, parece. Mas é a Paris Hilton.
 As duas são parecidas. Só que a Paris
 é bem mais alta. Mesmo assim, cismei
 que as duas são gêmeas.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h09


Paulo Coelho

Uma vez escrevi um post sobre Paulo Coelho e recebi um
email pessoal dele dizendo que ele tinha guardado o texto
e trancado num cofre, como faz com todos os textos que publicam
sobre ele.

Então tenho mais um post pra ele trancar no cofre, este:

-Feliz Aniversário, Paulo Coelho! É hoje! dia 24 de agosto.

Bom, pelo menos meu outro post não vai morrer de solidão
no cofre. Já tem um irmãozinho pra brincar.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h39


Clone

.Este site não tem um layout muuuuito parecido com este,
que também parece com este layout antigo deste outro?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h37


Meu texto...

.Já avisei a dona deste blog que já publicou meu texto
como se fosse do Herbert Vianna.
.E avisei a dona deste blog também, que publicou o
mesmo texto meu, também com o nome do Herbert
Vianna. Sem contar os comentários elogiando a postura
do Herbert...
.Não sei se é mais sacanagem comigo ou com ele...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h29


Tendência

.Usar o Orkut como
 fonte de pauta.
.Agora é moda.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h13


Vaidade

.A gente só reconhece o que conhece. Como sofro deste mal
reconheço-o nos outros
.Esta 'sensitiva' Amira Lepore é de uma vaidade tirânica
assustadora.
.Ela ameaçou o rapaz que disse que não acreditava nela!
.E ainda fala de si na 3a pessoa.
.E treme o lábio quando alguém discorda dela.
.Que mêda.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h05


Corações solitários

Cláudio Galvão, de Porto Alegre, que além de amigo também é leitor do blog,
tirou esta foto em Curitiba e mandou de presente. Fico me perguntando o que
está mais partido, se o coração do Rosaldo ou a placa do clube...!
Obrigada, Cláudio!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h52


Quem mexeu no meu queijo?

.Não quero fazer disso um cavalo de batalha, nem capitalizar
para mim mesma. Nem acho que o texto em questão seja
uma obra-prima. Foi só um desabafo de momento, um
sentimento represado que transbordou diante da dor da
indignação. Fato é que, bom ou ruim, o texto é meu.

.Mais do que um texto meu é um post do blog, faz parte
disto aqui, deste lugar, que é seu também. Então, não
me sinto isolada e particularmente aviltada, acho que
fomos todos desrespeitados.

.O que aconteceu?Bem, eu não tinha entendido quando
vi os links para a página antiga, mas agora li um email da
Adriana Valadares e entendi: alguém pegou um texto que
publiquei aqui no blog, neste link, ou aqui em imagem, que
fala sobre este era da estética, usando apenas como
estopim o drama do cantor do L.S.Jack.

.Eis que, pra variar, alguém e de fato, foi alguém mal-
intencionado, pegou meu texto, tirou a frase final ("PS
- Desulpe o desabafo, o texto em um fôlego só.
Mas sabe, isso é um blog."), suprimiu minha assinatura,
adicionou uma frase de uma canção do Herbert Vianna,
assinou com o nome dele e fez circular no Orkut.

.A prova da má intenção? Eu escrevo "D'us". Suprimo
uma letra, em respeito. Para que seu nome não seja
pronunciado. É da minha religião, é para não dizer
o nome de D'us em vão. Sem uma letra, nem há
como pronunciar mesmo. E aí, vem alguém e pega
uma coisa que escrevi num contexto, rouba o texto,
muda a grafia, rouba o crédito e bota pra circular.

.Eu sei que é assim. Eu sei que é pouco. Num mundo
onde matam mendigos a marretadas na cabeça como
forma de lazer noturno dá até vergonha de reclamar
de gente que faz isso com texto na web.

.Mas não pude deixar de dizer. Porque o texto foi
escrito e publicado aqui. Porque vivo do que escrevo.
Porque é com meu trabalho que crio e educo meus
filhos, na esperança de que eles se transformem em
cidadãos de bem, que respeitem a tudo e a todos,
sejam mendigos de rua ou mães que vivem do texto
que fazem.

PS - Depois de ter tantos e tantos e tantos textos
roubados, The Summer is Tragic, Minha inguinorância
é pobrema meu, a carta do Lula à Marta, entre outras,
já era pra ter me acostumado. Mas será que é pra
gente se acostumar com o que é errado?  


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h09


Olga

Olga estreou em primeiro lugar.
Está no BlueBlus.
Bacana.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h06


Cabeça

Adoro ver programa cabeça, bem metido, mesmo.
E quando tem apresentadora metida a saber que
não sabe, gosto mais ainda. Porque os entrevistados
são sempre cultos e dizem coisas profundas e incompreensíveis.
É perfeito pra um momento como este em que estou tão
cansada que não consigo absorver mais nada.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h54


Spam

Acabei de ver na home do UOL que o Brasil é o
quarto lugar em spam no mundo. Medalha de M.
      O ouro olímpico vai para os EUA, claro. Pena que
eu não me lembro o nome da maldita empresa mas
ela, sozinha, é responsável por 1/3 de todo spam
americano, segundo a palestrante que estava agora
no evento que apresentei. Não era um nome
conhecido. Mas tomara que vá à falência.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h44


Prata

Não vi o jogo da vi agora mesmo uma matéria mostrando
a alegria de Shelda e Adriana granhando a prata. Elas
são muito muito muito boas no que fazem. Quisera eu
experimentar a sensação de ser tão boa assim em alguma
coisa. Muito legal.
 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h31


Em casa!

.Foi bom pra mim. Acho que foi bom para todos.
.Cheguei exatamente no horário combinado.
.Fui ver o auditório onde a "Arena Cultural" aconteceria
.A palestrante é uma especialista da IBM, a empresa
 que a convidou, a Orbitall, maior processadora de
 cartões de créditos da América Latina
.Abri o evento, fiquei para a palestra, fiz perguntas.
.Encerrei o evento, fui para o coquetel, peguei um
 taxi e vim para casa
.Jantei rapidamente e eis-me aqui, com a TV ligada,
 colecionando 'confiras'.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h23


Evento

. Fui ao W e encontrei Fernanda Couto e...o W, Wanderley
Nunes. depois eu conto.
. Voltei pra casa, me arrumei toda e..vou pegar um taxi
. Estão consertando a garagem do prédio de casa e quem
tá dentro não sai.
. Estão consertando a rua na agência e quem tá fora
não entra.
. Pronta, pronta, pronta, vou para o evento.
. A gente se fala na volta.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h37


M.C.

. Cheguei na agência, fui correndo para uma reunião
e para a conference call.
.
E eis que eu, sempre confundindo 14:00 horas com
4 horas, e 16:oo com 6, confundi também 24 com
quarta-feira. Resultado: a apresentação como Mestre
de Cerimônios que eu achei que era na 4a...é agora!
. Voltei pra casa voando, comi meio prato, liguei o PC
e aqui estou, avisando que vou me arrumar para
ir ao evento.
. Termina às 18:00, ou seja não é no dia 18, nem às
8 mas às 6. Só que..é meu rodízio!
. Por que eu nasci tão confusa e tão complicada?
. Por que eu sou tão atrapalhada?
. Não sei, mas contanto que eu não faça da minha
confusão uma ofensa, contanto que eu não seja
agressiva porque sou atrapalhada, está tudo bem.
. Até mais tarde. Juro que não vou perder o
endereço daqui!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h53


Problems!

. O vizinho de cima está vazando no meu teto.
. O vizinho de baixo quer quebrar o meu banheiro porque
  acha que é o meu apartamenteo que está mofando
  o teto dele
. A turma do quebra-quebra não vê a hora de marretar
  paredes e azulejos
. Eu, estou aqui, torcendo pra que não seja nada
. Enquanto isso, pago o técnico que veio consertar
  o computador, espero o jardineiro que vai replantar
  uma floreira, atendo o telefone do aluno da Uniban
  o Marcos, que não consegue entrar no blog, peço
  pros colegas de trabalho darem início à conference
  call
sem mim
. Agora, vou me lançar ao trânsito, ao frio, ao caos,
  a tudo em busca de mais problemas
. Depois de um tempo fica gostoso encontrar as
  soluções!
. Ghostbuster!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h53


Na sorte ou na força?

Existem muitos caminhos para você chegar onde quer,
uma vez que você saiba o que quer de fato. Dois caminhos
divergem, entre tantos:um é o da sorte e outro o da força.

Quem pode se auto-sustentar, fisica, psiquica e financeiramente
enquanto espera a sorte chegar, pode se dar ao
luxo de seguir o caminho natural. Você se prepara e espera
a sorte bater na porta, tocar o telefone, mandar um recado.
Você é convidado para entrar pro elenco, dar entrevista,
presidir a empresa, ser parte do time ou do que for.

Você também pode ter a sorte de nascer lindo ou linda,
com o corpo que queria e as qualidades de que necessita
para chegar no que quer. O caminho já vem aberto você
precisa apenas se esforçar para trilhá-lo bem.

Às vezes o caminho não está lá e você tem que abrir
a picada na foice. Na força. Coisa de bandeirante
desbravador. Provavelmente você vai chegar a muita
coisa mas talvez chegue mais cansado.

Nesse caso, tudo precisa ser feito. Ninguém chama
você pra nada e então você contrata um assessor de
imprensa, um personal trainer, um agente, um
guru, um pai de santo pra fazer acontecer. Boa parte das pessoas
que você vê na TV não foram convidadas pelo programas
mas entraram na pauta através de assessores competentes,
insistentes ou bem relacionados.  Mas quando você
se vê todas lá não dá pra saber como cada uma chegou.

Tem gente que reconstrói seu corpo para ficar como
quer. Tem gente que luta contra a natureza com toda
a energia. Cada um tem um caminho. E não adianta
nem ter inveja ou raiva do caminho do outro. Cada
um tem o seu.

Estamos todos no jogo. Você nasceu e já está jogando.
Não vale roubar no jogo, mas não é preciso contar só
com a sorte.Tem que observar o jogo onde você está, tem
que administrar as cartas, tem que bolar uma
estratégia. Fazer a canastra ou bater logo pra
pegar o morto? Desmontar a sequencia? Onde
usar o coringa?

É o jogo. Jogue o jogo. Jogo não é pra ficar
só pensando, jogo de cartas não é xadrez. E
se você demorar muito todo mundo grita com
você. Então, seja rápido na sua vez. A cada
rodada completa, é sua vez de novo. Aproveite
a vez. Faça o seu melhor.

PS - Não sou dona da verdade. Mas sou amiga
do Dono...

A verdade existe. A gente só  passa a verdade adiante.
Querer ser dono da verdade só mostra o quanto a
pessoa tem de vaidade.

O vaidoso se apossa da verdade e fala dela como
se a tivesse criado. Até a frase mais simples como
"aqui se faz aqui se paga", ele diz como se fosse
de sua criação.
O generoso passa a verdade adiante para que o
mundo seja melhor e não para que ele seja visto
como um gênio. Mesmo porque genial mesmo
é ser capaz de ser generoso...

Fui caminhar e já volto.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h23


Bom dia!

 Concordo com o Carlos Heitor Cony, escritor e imortal que
participa diariamente do quadro "Liberdade de Expressão" da
rádio CBN, ao lado do jornalista Artur Xexéo. Cony disse que a
mídia inventa comparações (ou se não foi isso, foi mais ou
menos isso) como 'Ronaldinho é o novo Pélé', 'Barrichello
é o novo Senna', que coloca muita pressão nos atletas, como
no caso de Daiane, gerando muita expectativa sobre pessoas
que, às vezes, não estão preparadas psicologicamente.

É fato. A mídia tem essa mania de comparar artistas, atletas
e profissionais em geral. Ou você é um 'fulano de saias', ou
'fulana de calças', ou é 'o primo pobre de não sei quem',
'a versão light do outro', mas sempre é uma comparação.

Comparou, sofreu.
Porque a grande alegria do ser humano é ser único.
E quem é único não pode ser feliz sendo comparado.

(Competir, numa prova, sim, mas comparar a pessoa,
 não.)

Bom dia! Esfriou por aqui e está bem cinza.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h07


Boa noite

Boa noite. Vou dormir.

    Para os sensíveis, um alento: nenhum post
    foi uma indireta pra você. Só coincidência.
    Para os carentes: quando eu digo 'não
    posso', 'não quero' e 'agora não' não digo
    'não te amo' e nem 'você não me interessa'.
    É só não posso, agora eu tenho pressa.   
    

    Boa noite, durma em paz, dar e pedir
    perdão nunca é demais.
    Até amanhã.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h47


Daiane

. Só agora vi a apresentação de Daiane dos Santos
. Foi mesmo um erro desestabilizante
. Mas fiquei com a impressão de que o joelho operado
  influiu
. E gostei do discurso da mãe e do pai de Daiane
. E depois, não deu, não deu. Ora bolas.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h47


Flava






Uma Thurman em Kill Bill.
Yellow Submarine dos
Beatles.
Pikachu.
Os Simpsons.
O Amarelo é a próxima
cor da moda.

Acho difícil usar amarelo
mas depois que a moda
'pega' todas as dificuldades
acabam. E todo mundo
começa a comprar peças
desta cor, do sapato à
bolsa. Você gosta?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h54


Gênero

 Eu estava procurando o Aurélio para confirmar o gênero do 
substantivo 'travesti'. Luciana Gimenez disse 'a travesti' e, em
seguida comentou que alguém havia escrito errado, 'o travesti',
mostrando sua ficha. Segundo o Houaiss, a palavra 'travesti'
tem dois gêneros, tanto faz 'o' ou 'a'.



Acepções
substantivo de dois gêneros
1    artista que, em espétáculos, se veste com roupas do sexo oposto
2    homossexual que se veste e que se conduz como se fosse do sexo oposto


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h44


Aurélio

Fui ver no www.archive.org e confirmei. O Aurélio
era o primeiro dicionário da lista, na Bibioteca do
UOL. Compare os print screens, clique em cada um:

Estou muito triste. Eu usava o Aurélio direto.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h38


Cadê o Aurélio??

 Não estou achando o link do Aurélio no UOL. Cadê?
 Sumiu? Acabou o contrato? Aonde está o Aurélio?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h30


Não gostei

Da campanha da Credicard, forçadíssima, 'eu vou lá e credicard',
'eu credicard'. Uma paródia sem charme, sem inspiração, da velha
brincadeira infantil de 'tibitar', que substitui um verbo.

Você tibita de manhã ou à tarde? A gente tibita sozinho ou
acompanhado?

Muito, muito ruim. Acho que prefiro campanha política.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h00


SBT

Tirei esta foto de dentro do
carro, dirigindo, lá no SBT.

Os jardins são lindos .

Não fui falar de trabalho
artístico, nada diante das
telas. Fomos apresentar
pela Synapsys, um projeto
para o departamento
comercial. Claro que tem
tudo a ver com a televisão como um todo, mas eu
estava lá como Diretora de Criação da Synapsys,
não como apresentadora de TV.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h19


Cheguei

- Cheguei, jantei, conectei, postei.
  Escovei os dentes e voltei. 
 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h08


Fui!

- Para casa. Mais uma hora. É que tenho um agendamento,
  por telefone às 8, com o Speedy UOL. De novo.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h08


Medalha

 Estavamos no carro, indo pro SBT, ouvindo a 'narração'
 da apresentação da Daiane pelo rádio. Uma das coisas
 mais...inenarráveis, para nós e para o locutor que
descreveu o collant e disse ...'ela já começou e agora, já
terminou'. Só soubemos durante a reunião que ela tinha
ficado em 5o. ou seja, fora do pódio. Pena. Acho que ficamos
todos muito tristes. Fica a lição de que a pior pressão é a
da expectativa.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h51


Tão longe

. A reunião foi ótima, foi tudo muito bom mesmo.
. Só que... de 4 pessoas, só eu estava de carro.
. Então, tive que tirar meu carro do estacionamento,
  pegar a estrada e ir até o SBT.
. Depois da reunião, uma hora de trânsito. Inacreditável.
. Mas finalmente, chegamos aos escombros da Vila Olímpia.
. Tive que passar o 4x4 pra chegar aqui, acredita?
. Mas passei as valetas de esgoto com galhardia e nem bati
  nos tratores!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h45


Onda brasileira da estação passada.

 O bluebus, cita o nominimo que cita o elmundo que cita
            o Brasil. Mas...opa!
            que número '5' é esse no endereço do link? maio?
            entro no el mundo e vou ver.
            é um canal chamado GPS.
            está em arquivo.
            é de maio deste ano.
            E só agora virou notícia? E só hoje, em agosto
            foi para o BlueBus?
            Bom, pra não ficar aqui como uma tia velha
            reclamona, mandei um email pro Julio HUngria
            comentando o fato. Vai que ninguém percebeu
            que o site é de maio. Acontece.

            Mas valeu a visita ao elmundo. Tem uma
            matéria sobre tendências olimpicas, deste
            mês de agosto que é ótima.

 

 

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h48


almoço pra um

 Fui almoçar sozinha num self-service árabe chamado Jacob,
 o melhor custo-sacrifício da região. Chegar até lá no meio
dos escombros do bairro, a Vila Olímpia faz jus ao nome: é um
esforço hercúleo. Mas a comida é boa e barata, embora eu
tenha sentido um olhar pesado sobre meu pescoço quando estava
usando uma correntinha com uma estrela da David.

Servi meu prato com parcimônia para suprir minha fome
sem voracidade. Comi calmamente, mastiguei bem,
respirei compassadamente, enquanto me deliciava com
meu quibe crú com cebola e hortelã, meu almoço
completo.

A meu lado, dois homens conversavam. Sobre o que
conversam os homens? Para responder a esta dúvida
aproveitei meia dúzia de neurônios que ficaram desocupados
após a tarefa de espremer o limão e designei o pequeno
exército para ouvir o papo vizinho.

Falavam de viagens. O primeiro disse que prefere a
Europa mas sua mulher gosta de ir para os Estados
Unidos. Ele gosta de passear e conhecer lugares
enquanto sua consorte gosta de comprar. Contou
histórias de alfândega, de tapetes trazidos do
exterior.

O outro falava de Nova York, cidade para onde
viajava duas vezes ao ano quando trabalhava
'no banco'.

Percebi pelo tom da conversa que mesmo entre
amigos, os hormônios masculinos estão sempre
visando a competição. Um se pavoneia para o
outro ao que o outro revida com outros feitos
mais incríveis. Homens são todos vaidosos sendo
que alguns são mais vaidosos ainda.

Depois da prova competitiva no quesito viagens,
começaram a provocações. O outro perguntou
para o um:

- E a pescaria? Ainda não foi? Pelo jeito, já
  virou lenda....

Se virou ou não virou lenda, jamais saberei.
Só sei que comi pouco e bem. E que homens
competem por natureza.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h10



Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h09


zil e gmail notifier

entrei pra ver o que era zil. cliquei no horóscopo.
tá faltando uma palavra no pensamento do dia.
numa segunda feira, falta, justamente o verbo
'fazer', na famosa frase do J.F.Kennedy 'ask not
what your country can do for you...'

tem também um sistema de...'blags'.

além de visitar o zil, baixei o notifier, que avisa
quanto chega gmail.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h54


Comentários.

Acho que o servidor do Falou&Disse saiu para comprar cigarros
   e não voltou. Vou colocar o sistema de comentários original
   do blog. Mas lembre-se, quando o sistema do F&D voltar, o
   outro sai do ar. Os comentários deixam de aparecer mas ficam
   arquivados no sistema. Nada de perde. Tudo se cria.
   Lavoisier que se dane.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h42


Mata a cobra e mata o pau?

Não! Mostra o peito e baixa o pau!
Esse deve ser o lema de Janet Jackson, a irmã do Michael.
(ei, mas ninguém tem culpa dos irmãos que tem.)
A artista acaba de criar o 'Nipplegate' (um equivalente a
Peitogate ou, mais precisamente, Bicogate) dizendo que
Bush e a Casa Branca usaram seu peito que pulou pra
fora do decote num duplo carpado mortal, durante o
Super Bowl, para distrair a atenção do público sobre a
guerra do iraque.

Por falar nisso, hoje tem Daiane, 15:45h, horário de
Brasília.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h25


Platéia

fonte: http://www.speaking.com/spimages/clapping.jpg Todo mundo quer
 aplauso. Até 
 cachorro, elefante
 de circo, precisa de
 reforço positivo,
 seja sob forma de
 biscoito ou elogio.

 Todo mundo quer
 mas nem todos
 admitem.


   Quando você assume que quer leitores, admiradores, fãs,
   consumidores, telespectadores, ouvintes, seguidores, ou
   qualquer outro equivalente, fica mais fácil. Sabendo o que
   você quer é só sair em busca, seja lá do que for.

  Chato é quando a pessoa não consegue perceber que ela
  quer atenção, público, platéia, aplausos e usa qualquer
  reunião, seja de condomínio ou de amigos, para ficar no 
  centro das atenções. Chato é ser usado como público 
  quando você foi lá fazer outra coisa. Mas mesmo sendo
  chato, tudo bem. Se der pra fazer alguém feliz vale o
  sacrifício.

  Mas que é sempre melhor quando todo mundo assume,
  isto é. Ah, sim, e, por favor, aumente o som e
  clique na figura. São aplausos pra você, que sempre
  vem aqui no blog...
  você, que sempre vem aqui no blog...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h18


Edu Lobo

Acabei de ler na capa do UOL que Edu Lobo teve um aneurisma
    cerebral e foi operado. Todos na torcida por ele.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h37


Reunião

 Como? Verme no ICQ e no AIM? Não vai dar tempo de ler. Só
    vi a manchete num feed do RssReader (Por falar nisso, essa
    história de 'feed' não tá pegando, né?)

Rejeição é pouco. Ainda bem que estou me tratando e se não
   me deixo deslumbrar com elogios também não me abalo com
   críticas e não me desestabilizo com rejeições. Fato é que
   quando você entra numa comunidade de milhares de pessoas
   e uma única escreve ou responde pra você fica difícil não
   achar que é pessoal!

Ei, pessoal, vou para uma reunião. Toda segunda feira é
   assim. De manhã, reunião interna e à tarde, reunião
   externa. Deve ser por isso que à noite só tenho vontade
   de me reunir com as cobertas...

  Até +.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h47


Bom dia

Acabei de comer um grama de queijo branco e de tomar um
quarto de xícara de café preto. Estou totalmente inapetente.
Ei, não é incompetente, é inapetente mesmo. No jornal, no
caderno de Informática do estadão, encontrei na coluna de
blogs, destaque para o "meu emagrecimento", da Sara,
leitora deste blog também. Hoje vai ser um dia bacana pra
Sara, conhecendo novos amigos no blog e vendo seu trabalho
publicado no jornal. Bacana, Sara, parabéns!

PS - Ei, hoje é dia dos queridos leitores!Sara no jornal,
       Bel Murray no rádio, beleza!

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h22


Boa noite

Vou dormir. Tenho certeza que esse meu vício de dormir
   de madrugada e morrer de sono de manhã não é exatamente
   um caminho para o equilíbrio. Então, boa noite. E até
   amanhã. Obrigada pela companhia. E pelos ensinamentos.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h18


ICQ e lição

 Acabei a lição. Ajudei minha filha procurando imagens
    históricas da escravidão no Brasil, notícias do mundo
    e agora, consegui minha carta de alforria. Enquanto 
    isso, troco mensagens no ICQ, limpo a caixa de emails
    e penso na vida.

 Sabe, amanhã é segunda-feira, um dia simbólico de
    recomeçar. Você pode mudar tudo amanhã. Sua
    alimentação, sua postura, sua história. Ou pode
    deixar tudo como está.

 A primeira lei de Newton, que a gente aprende no
    segundo grau, diz que um corpo só sai do seu
    estado se uma força externa agir sobre ele. Quem
    está parado, parado fica. Quem está num movimento
    uniforme, assim permanece. Inércia.

 A gente pode passar a vida toda no mesmo movimento
    ou parado, vendo a vida passar. Ou a gente pode
    tomar as rédeas da própria vida e tentar mudar. Por
    dentro e por fora.

 Eu sei que é tarde para ser uma campeã olímpica.
    Mas não é tarde para ser humana.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h03


Vitrine

 A nova loja do Ocimar Versolatto finalmente
 ficou pronta. Foi inaugurada na sexta.
 Ninguém me convidou. Mas como a rua 
 é pública, tirei uma foto da vitrine que fica
 na calçada. É muito bonita. E quando o
 segurança fica parado lá trás, dá a
 impressão de que ele está dentro do
 aquário onde fica o manequim.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h10


Zen, patrulha e verdade

 Acabei de passar por um momento bem desagradável. Fui
    a um caixa eletrônico e a máquina engoliu meu dinheiro.
    Não pude nem ver se ela, de fato, processou ou não o
    débito, só sei que fiz todo o procedimento e o dinheiro não
    saiu.

Um senhor na fila tentou retirar dez reais. Aconteceu a
   mesma coisa. A máquina não deu o dinheiro e ainda imprimiu
   um extrato. Ele foi gentil, me deu seu cartão e disse que,
   se eu precisar, ele testemunhará a meu favor.

Chamei o segurança, fiz a queixa, toda aquela encheção. Perdi
   um tempão. Amanhã, vou ter que ver no banco, etc, etc e etc.

O mais incrível é que não estressei. Nada. Achei chato, tudo, mas
   não fiquei nervosa, não briguei. Não foi consciente, não foi uma
   decisão, apenas não o fiz.

A mesma coisa aconteceu aqui no blog. Mais uma vez vi que um
   mesmo IP que se repete, para muitos nomes, que conversam
   entre si e trocam apoio sobre um nick que me critica, não senti
   nada. Nada. Não me ofendi, não sofri. Não me incomodei. Só fui
   verificar se os IPs eram vários ou um só. Era um só. Não tive
   coragem de chamar ninguém de covarde, nem de ofender de volta,
   nem de me defender.

Não é agradável ser patrulhada, saber que há representantes
   da inquisição que anotam meus passos, seguem meus textos,
   à espreita do momento de atacar sem nome. Mas é um fato.
   Só resta aprender a conviver com ele, tentar minimizar o
   ataque. É como ter herpes, sempre digo. O vírus fica instalado
   em você, espera baixar sua imunidade para se manifestar.
   Então, é preciso sempre fortalecer o espírito. E o espírito
   só se fortelece com a verdade, com a tranquilidade. Contra
   patrulhamento, só o recolhimento.

Acho que é assim mesmo, que cada um segue seu caminho,
   que ninguém está isento de sentimentos como inveja, raiva,
   revolta. Viver é justamente isso, aprender a administrar esses
   sentimentos, domá-los, antes que eles nos possuam

De todos os sentimentos, de longe, o pior é a vaidade. É o
   excesso de vaidade que gera o egoísmo, a agressividade,
   a injustiça, a inveja, a soberba, a arrogância. A inveja é
   mesmo uma M. Sentir inveja é morrer em vida. Toda vez
   que a gente sente inveja de alguém, se suicida um pouco.

E viva a vida!

PS - enquanto eu fazia a queixa a moça recebeu outra
       ligação: mais um caixa eletrônico no shopping
       engoliu o dinheiro de um usuário...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h50


Toogle

TOOGLE
   
Óxinton insistiu, fui ver o Toogle. Claro, não é do Google.
   Pra saber o que é ou não do Google, ou o que está sendo
   criado no Google labs, é só ir para www.google.com/options/

C6
  
Entrei no endereço e antes de experimentá-lo fiz
  duas coisas, visite o dominio raiz, www.c6.org e entrei
  no whois pra ver quem registrou o domínio. Indika Industries.

INDIKA
   
O google retornou o endereço do Indika Industries. Lá,
  encontrei a página c6. Tem um Che Guevara em ascii. 
  Acho que é ou era um projeto, Art Wankers.
  Vi também no site c6.org que esse toogle foi criado em abril
  deste ano. Ele pega palavras que você busca como imagens
  e retorna uma imagem em ascii.

  Mesmo assim, valeu Óxintom.



Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h25


É travesti?

Esse dogão do Pânico é...travesti?
Tipo Bianca?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h11


Miniaturas

Miniaturas são adoráveis. Meninas adora miniaturas
   em geral, de casinhas, de bichinhos, de objetos. Os
   meninos também gostam mas preferem chamar de
   'modelos' pra não dar muita bandeira. Ferromodelismo,
   aeromodelismo são artes, hobbies de miniaturizar.
   Vou numa loja dessas, daqui a pouco, pra ver algumas
   coisinhas lindas que estão na vitrine.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h01


Dúvida

Agora que eu acabei de ajustar os meus números de IP,
DNS e etc, aproveito pra perguntar:

- o que, exatamente, significa, quando um mesmo IP  
  aparece para vários nomes que dialogam entre si
  ao mesmo tempo nos comments? Na boa, pra
  não ficar conjecturando à toa.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h56


4 horas, tudo bem

Planejei tudo para chegar em casa às 4 horas.
   Agendei neste exato horário, uma ligação do UOL
   para resolver meu problema de Speedy.

Às 4:03 entrei em casa. E o telefone tocou. Era
   do UOL. Foi só reconfigurar um novo número e..
   voilà. Eis-me aqui em banda larga.

Concluí que quando a gente tem um problema
   precisa encontrar o lugar certo, a pessoa específica.
   Todo o resto é só gasto de energia. Aprendi que
   é preciso confiar no conhecimento que se tem. E
   aprender como as coisas funcionam.

A atendente da parte física da linha quer se livrar
   de você. Ela atende no 'genérico'. E vai abrindo
   logo uma ordem de serviço para que alguém vá até
   sua casa verificar a linha. Enquanto a ordem de
   serviço estiver aberta, você não pode reclamar de
   novo.

Felizmente, está tudo bem.Ao menos, parece.
   Acho que é hora de realmente, verificar. Se não é
   só uma ilusão.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h20


socoooooooooooorro!!

Roubaram a tela
"O Grito" de Edward Munch!

Foi assalto a mão armada.

E...ninguém deu...
um grito?

Não é a primeira vez que
o quadro é roubado.(94)

Pelo menos os ladrões
demonstram ter uma certa
cultura: uma pesquisa
realizada pela Enciclopédia
Britannica, revelou que
 85% dos ingleses não sabem não sabem quem é o autor da obra
"O Grito" e quase 50% acham que Van Gogh pintou a MOna Lisa.
O restulado também foi publicado na ISTO É.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h31


Seu poder

Pra você, usuário regular da Internet, que chegou aqui sem
   pisar no mouse, sua participação na web pode parecer
   apenas um divertimento pessoal. Mas não. É muito mais.

Embora o email, por exemplo, tenha se tornado carne de
   vaca, embora quase ninguém saiba o que é blog, para
   empresas e órgãos institucionais sua opinião ainda tem
   muito poder.

Mandar um email elogiando pode significar mais investimento
   e uma ofensa pode ser o fim de um projeto. Claro, os emails
   perderam a força para quem sabe que um endereço
   eletrônico não começa com 'www'. Hoje os emails são
   contados a baciadas. Vale 'quantos emails' a coluna, o
   matéria, o assunto, o convidado, recebeu. Mas ainda vale.
   Não receber emails é muito pior do que receber centenas
   de reclamações, como no caso de Diogo Mainardi,
   consagrado por ser polêmico. Quanto mais reclamam dele,
   mais sobe o seu cachê. Bom pra ele. Mas esse é só um
   exemplo.

Em tempos de correio eletrônico, uma carta tem um poder
   incrível. Mandar uma carta, escrita à mão, para um presidente
   de empresa é um evento. Ninguém deleta uma carta bonita,
   envelope bacana, letra bem desenhada. Acho que vou
   usar esta tática e mandar cartas para elogias e reclamar
   dos maus serviços. Os presidente sempre se sensibilizam
   com cartas do seu público.

Nesses vinte e quatro anos de trabalho em comunicação já
   vi programas de rádio e tv afundarem por causa de cartas
   e depois, emails, já vi gente incompetente subindo na
   carreira por causa de elogios, assim como já vi grandes
   talentos perdendo espaço por falta de apoio popular. É
   engraçado, mas todo mundo tem energia pra escrever
   reclamando, odiamos em voz alta, mas amamos em silêncio.
   Ninguém escreve para elogiar. Ser humano é assim mesmo.
  

Mas que a gente tem poder, isso tem. Mesmo que ninguém
   saiba o que é blog.

assinado,

   Rosana, a prefeita deste blog.

PS - Por falar nisso, a Marta Suplicy tá com um corpinho
       de 20 anos! Vinte anos de plástica!!!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h15


O REI DA VELA! - ÀS 10: 40 h


 CHEGOU!!
 Robert Scheidt é o rei da vela! O Rei da Vela!
 (em outro sentido....)
 É ouro!
 (fiquei feliz, sabe, domingão, coração, emoção...)

 É o Rei da Veeeeeeeeeeeeeeeela!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h40


Filme

Lembra do menino do Sexto Sentido? Cresceu e ficou
   tão feio, tadinho. Mas continua um ótimo ator. Estou
   vendo um filme com ele, Michael Caine e Robert Duvall
   chamado 'Lições para toda vida' (Secondhand Lions).
   Deve ser um daqueles filmes glim glim glim pra gente
   chorar. Se der, choro.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h33


Cai a noite. Confira!

Nelson Rubens está abrindo o bico... amarelando...
e de vez em quando escorrega no pacto de sempre
chamar as matérias com o inevitável 'confira' e
usa um 'veeeeeja'. Já Luiza Mell continua fiel,
não deixa de usar o 'confira' nenhuma vez.

Uma dúvida bem superficial, pertinente a esse
mundo colorido das revistas de fofocas:

- a Maryeva está tentando virar uma Cicarelli,
  fisicamente falando?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 18h08


ô dificuldade

Quando consigo conectar, o blog não abre. Quando
o blog abre, a página não carrega.E quando a página
carrega, a conexão cai.

Mas tudo bem, está quase na hora do programa, já
mandei um bom churrasco e em breve vou ler na
rede. Melhor que isso, só férias.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h36


Perseguição Individual
Acabei de ver a prova de Perseguição Individual.
Mas já avisamos as antinhas e antinhos que não se
trata de nenhuma competição de paranóia ou qualquer
outra doença mental, Perseguição Individual é uma
modalidade ciclística. Se bem que tem chefe e professor
que mesmo sem bicicleta pratica perseguição coletiva e nem assume!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h02


Hoje
Hoje tem Receitas da Vida, receita de Cassoulet,
com Renata Braune. A receita fica no site e tem fotos do
estúdio no blog. Sábado, hoje, é às 15:45h da tarde e
amanhã, meio dia na Rede Mulher.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h57


Mulheres Datenas.

Oba, estamos em Águas de São Pedro. Dia lindo de sol por aqui.
Na TV vejo uma prova masculina nas Olimpíadas: cama elástica.
Cama elástica? Nossa, eu nem me lembrava que tinha isso.
Bacana, vou assistir a prova de cama elástica e esperar pra ver se tem
gangorra e gira-gira. Há pouco o locutor quase se confundiu ao anunciar
a cobertura com o Datena e o quadro Mulheres de Atenas, dizendo que
logo a noite tem Mulheres Datenas! Como?? Que mulheres seriam essas??

PS - Por falar em países e trocadilhos horríveis, fiquei me perguntando,
será que, lá na Ucrania, toda vez que alguém bate a cabeça,
sofre um traumatismo...ucraniano? ai. doeu.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h50


bom dia
no carro, o sol bate na tela do laptop e eu não enxergo nada.
deixo aqui mesmo assim o desejo de uma boa jornada.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h20


TV e Internet

A Internet, ou pelo menos o mundo dos 'negócios' na Internet,
que só tem uma década de vida no Brasil, por ser mais jovem
e libertária, mais democrática, é bem menos predatório do que
o mundo da TV.

Prova disso (salvo engano muito provável de minha parte),
estamos vendo uma prova deste fato na chamada de capa
dos blogs do UOL.

Na TV, Léo Jaime disse que seu blog havia sido convidado
para migrar para um 'grande portal'. Ao que tudo indica,
sendo amigo de Jô Soares e agora, contratado das
Organizações Globo como autor de um tema de novela,
Léo Jaime privou-se de dizer que seu blog está no UOL,
numa clara atitude de não conflitar com o portal da
Globo.com.

Porém, enquanto a TV não permite que se diga 'blog
do UOL' por causa do portal da Globo na internet, o
blog do UOL chama para o blog do Léo Jaime com
Jô Soares na manchete e tudo mais.

Muito melhor assim. Sempre achei uma das coisas
mais idiotas o fato de não se poder chamar a
Revista Veja pelo nome nas emissoras de TV,
especialmente na Globo, que além de ter o portal
tem a editora Globo que concorre (mas beeeeem
de longe) com a Editora Abril, fazendo com que
fosse criada a expressão 'uma revista de grande
circulação', em substituição ao título.

E já que estou mesmo sem banda larga e vou dormir
(e amanhã cedo vou viajar), aproveito pra dizer
que eu acho chatérrima essa mania que jornalista
econômico tem de usar sempre as mesmas figuras
de linguagem em qualquer comentário, sempre
as metáforas, sempre. Hoje mesmo Franklin
Martins mandou uma péssima. Disse que mesmo
quando o governo está navegando com bons
ventos não é o caso de se dar piruetas no
convés.

Com isso, encerramos nossas transmissões por
hoje..boa noite e até amanhã.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h20


Mareada

Sabe o Jacques? Então, já que'stou sem internet, fui
ver um DVD. O filme me deixou mareada. É muito
chato. É aquele que concorreu a dez estatuetas do
Oscar. Acho que ganhou uma. Oscar de melhor
enjôo. É com o Russel Crowe (Master and the
Commander)

Achei tão chato que mesmo sendo quase
uma abstêmia, resolvi tomar um cálice de vinho do
porto. Uma tentativa de viver na prática a célebre
frase de George Jean Nathan:

- Eu bebo pra tornar pessoas interessantes!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h58


Em casa, sem banda larga

Essa massagem ayurvedica que me deixou toda roxa e
dolorida, serviu para muita coisa. Estou 'des-estressada'.
Não consigo brigar com atendentes de telemarketing,
nem quando tenho razão. Agora, por exemplo, fiquei
mais de 30 minutos para falar com o Speedy UOL e
não briguei com ninguém. Já são 3 dias sem banda
larga. Tenho o número do serviço mas nada acontece.
Decidi que, já que não tenho o serviço também não
vou pagar por ele.

Mais meia hora com o departamento comercial.
Eles não sabem se existe a possibilidade de eu não
pagar por um serviço que não tenho. ora ora ora.
fiquei calma e acho que, se não convenci alguém
estou levantando polêmica no setor. Me pediram
pra ligar novamente daqui a pouco.

Agora que eu virei uma mulher tolerante e calma
só falta voltar a ser magra e gostosinha. Ei, parecem
boas perspectivas, não?

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h35


Já sei!

Já sei!
Já sei porque o tio
Silvio colocou a
Bianca em seu
reality show!

É uma nova versão
de Ibsen! claro!

Sim, porque ao colocar
um travesti entre os
participantes, a Casa dos
Artistas imediatamente virou...Casa de Bonecas!!!

Com mil Bilaus, Batman, matamos a charada!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h08


Cárie, a estranha!

O dentista da Casa dos Artistas pode entender de dente
   mas não entende nada de canal, pelo menos, não de canal
   de televisão do Silvio Santos.

Tio Silvio não avisou os protagonistas de novela que 
   Bianca tem aquilo roxo, o que vai fazer o dentista Alle
   ficar vermelho de vergonha quando descobrir que há
   mais penduricalhos entre o céu e a terra do que supõe
   a vã odontologia.

Sim, há uma Cárie, a estranha, no meio do filme e
   supostamente, os integrantes não sabem de nada.
   A menos que como candidato a ator, Alle saiba,
   mas finge que não sabe, representando assim,
   um personagem que finge não saber. O ator é um
   fingidor. Se bem que no dentista, ninguém finge
   dor.

Agora, quando Alle pegar o boticão para arrancar
  um dentinho de leite de Bianca, alguém vai poder
  adequadamente gritar: é ferro, na boneca!

Enquanto isso, a audiência do programa está exatamente
   como o bingolim de Bianca: está lá  mas... não sobe!

   (ei, as piadas podem ser ruins, mas são minhas, tá?)


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h02


Chutando a viga-mestra

Kike Martins poderia trabalhar numa empresa de demolição:
   pilotaria qualquer bulldozer com maestria. Ele chuta o pau,
   derruba a viga, detona o alicerce e implode a estrutura.

Veja o que eu quero dizer com isso.
E isso e mais isso também.
Chamar o travesti Bianda de rainha do
emplastro Sabiá é pra quem pode.
E entende!

Ei, tem Pânico hoje também? Vou ver.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h47


Mais um minutinho

Sexta-feira intensa pra mim. Ainda tenho que fazer duas
   coisas que estão na categoria urgente-urgentíssima e
   volto para postar. Mas o universo vai bem, a nave-mãe
   está em curso, velocidade de cruzeiros, céu de brigadeiro.
 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h47


Frase em busca do autor

Marina Gênova passou a frase por email. É muito boa.
De quem será? Não achei no Google.

"FILHO É COMO VIDEO GAME :
A PRÓXIMA FASE É SEMPRE MAIS DIFÍCIL"




Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h54


Mil perdões


quase morri de dor na alma, ontem, numa reunião com o
querido Thomas Roth:
- fiz o Carneiro, do Opera Bufa, sofrer,por uma semana.
Carneiro, que é um autor criativo, um humorista genial,
merece todos os elogios do mundo. Por isso, peço mil
perdões, corados de vergonha.
Fui cruel com ele num post passado. Não quero ser
cruela a cruel. Me perdoa, carneirinho?

PS - Não dá pra escrever mil vezes a palavra 'perdão'
no post porque excede o número de caracteres
permitido. Então, escrevi num word, dei um print
screen, salvei e subi a imagem e ficou esta coisa
horrorosa que você vê logo acima!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h38


Inteligência

 

Christian Hallott, embaixador e responsável pelas relações
corporativas da H. Stern no Brasil, era um dos palestrantes da
Uniban na noite de ontem. Um homem culto, calmo, finérrimo,
fez uma apresentação muito interessante sobre a joalheria H.
Stern, que está em mais de 80 países no mundo e é 100%
brasileira. O que mais me encantou, no entanto, foi saber que
os designers que fazem as jóias levam em conta todas as
necessidades práticas da vida feminina:

- Christian disse que os brincos, todos, são desenhados para
  oferecer conforto, traduzido por exemplo, no fato de que
  você pode atender um telefone fixo ou usar o celular usando
  um brinco H.Stern, que não vai molestar, incomodar ou
  mesmo destruir sua orelha.

Eu, que não tenho e nem uso jóias, fiquei tão influenciada que
coloquei uma pulseirinha hoje.

Mulheres adoram adornos, não? E vocês, meninos, como se
adornam? tatoos?

PS - Christian também comentou sobre roupas inteligentes,
como casacos com um bolso porta-luvas de inverno. É
comum você enfiar as luvas num bolso junto com outra
coisa, um celular, por exemplo e quando tira um, o outro
cai. Adoro saber que tem pessoas pensando nos nossos
problemas cotidianos enquanto projetam as coisas.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h20


Sextona

Bom dia. Acordo, tomo café, ligo o pc e.. .no net. Ainda sem
   speedy. E meu pc não tem modem para conexões discadas.
   Pénosaco. Tenho que ligar o laptop, tirar o fio do telefone,
   introduzí-lo, com todo respeito, no slot correto, conectar
   em dial up e.. eis-me aqui

Bom dia também para o Léo Jaime que arrepiou ontem no
   Jô, meu vizinho de blog.

Bom dia para meus hematomas que agora fazem tatuagens
   nas pernas, nas costas e em todo lugar. Nunca fiz cirurgias
   estéticas mas acho que estou com cara de pós operatório
   de lipo aspiração manual, com a desvantagem de quem a
   parte lipo ainda está lá! Mas em compensação...o que eu
   tô calma...você não acreditaria. Desestresseii. A maior
   prova é a forma gentil e delicada com que tenho tratado
   os peradors de telemarketing.

Bom dia para a moça da TIM que ficou meia hora no
  telefone tentando me convencer a comprar uma linha.

Bom dia para todos os que sofreram pela raça humana
  ao saber da hedionda notícia dos moradores de rua
  que foram espancados até a morte por bárbaros
  em são paulo.

Bom dia não acontece, simplesmente. Um bom dia a
  gente faz. VAmos fazer um ?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h37


Speedy UOL

Ainda sem gateway. Liguei e pedi o número do meu
serviço para perguntar sobre ele. 72 horas, é o prazo.
Dureza. Hoje foi um dia de muitas dificuldades, inclusive
no trabalho. Mas a gente vai fazendo o melhor que
pode, torcendo pra que D'us ajude. Amanhã, vai ser
melhor. Mesmo porque é sexta feira!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h08


Palestra

Nunca fico tantas horas sem postar, nem no fim de semana.
Mas hoje foi punk. Se eu disser que a superfície do meu
corpo está coberta de hematomas em 10%, você acredita?
Fiz uma massagem muito profunda, muito dolorida, que
me deixou toda em tons de roxo, lilás e verde.

Foi assim, toda dolorida, que comecei meu dia, mas
consciente de que a medida da dor é a medida dos
maus tratos a que eu mesma me submeto diariamente.

Como mal, durmo pouco, trabalho muito, vivo estressada.
Brigo com todo mundo. Estou sempre com pressa. O blog
e o humor são minhas tábuas de salvação. Não fosse isso,
estaria internada.

Além de todas essa vida corrida, ontem, recebi um bilhete
da escola da minha filha avisando que o filho da orientadora
faleceu. Como?, pensei. Eu digo como. 16 anos. Pulou da
janela. Deixou uma carta e suicidou-se. Estava em depressão
profunda e ninguém sabia. Foram todos ao cinema, a família
toda e, na volta...

Chorei muito, sofri muito, senti que apesar de tudo, todos
nós, aqui, somos sobreviventes. Tivemos energia de guardar
dores, sofrer, errar, mas estamos aqui. Não desistimos.
Tem gente que não aguenta. É muita dor, muito triste.

Depois trabalhei, fiz reuniões e peguei um trânsito de
duas horas. VEja bem, duas horas no trânsito. Cheguei
na Uniban, encontrei os outros dois palestrantes.
Fizemos nossas apresentações, respondemos a perguntas,
quase me perdi na volta.

Entrei em casa, fui jogando tudo pelo caminho, corri
para a água quente do chuveiro.Depois comi alguma
coisa bem absurda, dois figos, meio pastel e salada.

LIguei o laptop, conectei em dial up e postei.

Beijei o marido, corrigi a lição do meu filho, botei
minha filha pra dormir. E voltei.

Obrigada por se importar comigo, com meu bem
estar.EStou inteira. Roxa, mas inteira. Chorei
muito na massagem. Mexeu com minhas emoções
mais profundas. Tão profundas que nem consigo
falar sobre elas. Só quero que elas acordem.

Beijos gratos de uma mulher exausta, em processo
de renascimento. Beijos a todos os deuses homens
e as deusas mulheres deste blog.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h57


Exausta

Não tenho palavras. Nem energia. Nem internet.
Só liguei o laptop e conectei em dial up pra
dar um alozinho.

Daqui a pouco eu tenho voltar. Muitas
solicitações, entende...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h41


Separando o Joyo do...

Não tenho nem coragem de completar o título.
Mas para um querido leitor, meia palavra...
Era só pra dizer que a Amazon comprou a Joyo.com e
entrou para o mercado chinês.
Por que eu não comprei ações da Amazon?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h54


Brasil : Ouro no Orkut?

 

O Orkut. O Multiply. O fotolog. O moblog. O blog. O google.
O gmail. O Hello. O Picasa. O MSN. O ICQ. São ferramentas.
A gente vai lá, usa, vê se gosta, faz cadastro, seja já o que for.
Depois segue com um, abandona outro, como tudo na vida.

Mas é sempre bom saber quem fez, pra que serve, e entender
que não estamos falando de gente (bom, o Orkut é um cara,né)
mas de sites, sistemas, ferramentas de publicação, de
comunicação. E que cada um tem uma origem, vem de um
país, um estado, uma cidade, um lugar.

Eu acho legal poder usar as coisas mas acho que uma
coisa é Olimpíada, competição esportiva entre países
e outra coisa é um site. Por que os brasileiros querem
ser medalha de ouro no orkut? Tem pódio no Orkut?
Medalha pra quem tem mais amigos? Pro país que
tem mais cadastrados? Troféu para os maiores usuários
do fotolog? Era pra competir? Ninguém me avisou,
então, eu pensei que era só pra criar e usar a
ferramenta, as comunidades.

Além de pensar que não se trata de uma
competição internacionao,  quando entro e recebo um
aviso em inglês com uma brincadeirinha dizendo que o
servidor é malvado (bad, bad server...), como a gente fala com os
garotinhos que fazem algo errado, e ainda fico
sabendo que não vou ganhar doce, tipo
dunkin donut (No donut for you), lembro na hora
que o Orkut foi feito para americanos. E para
todo mundo que quiser.

Mas Olimpíada é olimpíada e orkut é orkut.

Ou não?


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h24


LOGO

O primeiro canal gay na tv a cabo americana é o LOGO.
A programação já está montada e o primeiro reality show
gay, "My Fabulous Gay Wedding" vai começar a ser rodado
agora e exibido no começo de 2005. O canal tem previsão de
lançamento para o dia 17 de fevereiro.

As inscrições podem ser feitas por email:
myfabulousgaywedding@yahoo.ca

O LOGO vai produzir programas próprios e exibir séries e filmes
de temática ou interesse gay, para preencher as 24 hroas de
programação.

No site do canal, você encontra uma série de perguntas e
respostas, inclusive, com possíveis patrocinadores do canal,
tais como General Motors, American Express, Avis, Pfizer,
que já fazem marketing para o público GLBT, segundo o
próprio site. Muito bacana.

Veja demo do canal, logos dos programas, etc, aqui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h04


Travestidos

A gente fica possuído por um travesti,
portanto, travestidos estamos.

O poder de Bianca Soares sobre todos nós,
filhos do sexo papai-mamãe entre
nossas mamães e papais, é imenso.

No meio de uma reunião, logo na
segunda ou terça-feira, os dezenove
centímetros de pênis de Bianca,
divulgados e proclamados pela
Internet, invadiram o assunto,
atravessaram a mesa. E eis que
no meio da criação de formatos
de comunicação, ficamos ali,
todos, escravizados por um
membro  midíatica que, não bastasse

sua proporção respeitável ainda ostenta um par de seios sobre a
cabeça.

Silvio Santos, que pertence a uma geração de apresentadores
encantados por travestis (o 'Bolinha' adorava travesti no
programa!), lançou a brincadeira. Agora, todos os brasileiros
da Internet brincam de caçar informações sobre Bianca.

Que todos se divirtam, então! Vamos brincar, sempre.

Meninos brincam de achar o que Bianca esconde-esconde
e meninas, brincam de ...boneca.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h59


Caras e Nomes

Olha a capa de uma revista Caras de alguma semana
já passada sobre minha mesa. Luana Piovani mostra a
barriga e recebe um beijo do pai do seu filho.

Bela Piovani, Rico Mansur.

Nunca um apelido foi tão adequado.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h51


Parabéns as Deusas

Hoje é aniversário da Paulinha Nicolay. Há dias estou
esperando para dar parabéns a ela aqui no blog.
E devo isso ao Orkut, que me avisou da data.

Paulinha,toda felicidade do mundo na sua casa,
na sua vida, com seu amor, com os amigos,
com a cachorrada, com a natureza.

Feliz, feliz aniversário, linda.

E parabéns a todas as deusas, divas, mulheres que
estão sempre aqui energizando este blog.

PS - Assim que o inverno passar e sair da hibernação,
vou voltar a cortar o cabelo curtinho.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h45


no gateway

fui dormir sem speedy, acordei sem ele. achei lindo. o
speedy uol me deu 72 horas para regulizar regularizar o serviço,
esse, pelo qual eu pago 24 horas por dia.

vou aproveitar e ficar unplugged esta manhã.
na hora do almoço, caio na rede.

até mais.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h26


Boa noite

A dois mangos a hora e mais 69,40 de Speedy, não tô podendo
ficar no dial-up. Fora o saco. Então, boa noite e até amanhã.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h29


MSG - Movimento dos Sem Gateway

Depois você me explica. Ou eu digito Gateway no Google.
Ou vou direto para o whatis.com (conhece?) e procuro
por gateway. Mas estou sem isso aí. E sem isso o menino
da porteira não pode ser feliz. Não entro na Intenert.

Como sempre, me pediram uma coisinha simples, de 72
horas pra que tudo volte a funcionar.

Quer saber, nem ligo. Estou aqui no dial-up e pronto.
Se der, deu. Se não der, não deu.

Amanhã cedo eu vou fazer massagem e pronto, tudo vai
mudar. Eu vou mudar. Sim, porque o mundo não vai.

Esqueci meu flash drive na agencia, com a apresentação
dentro, enfim, tudo errado.

Não tem importância. Amanhã eu faço massagem, passo na
agência, pego o flashdrive, volto pra casa, termino a
apresentação, pego um taxi, vou pra palestra.

E tudo isso, sem gateway. E com muita calma.
O que não tem solução, solucionado está.

PS - Aqui em casa, maior crise. Santos perdendo
pro Botafogo. Amanhã, em protesto, ninguém vai
acender o fogão. Só microondas!


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h26


Sem Speedy

Não vou perder a pouca paciência que me resta.
Liguei 10 vezes para o Speedy UOL mas estou sem conexão.
O 0800 77 11 015 tem mais de 5 minutos de espera.
O 3224 4005 do UOL, mais de 5 minutos de espera.
Ninguém me explica o que acontece. Ninguém se
importa. Então, estou no dial up pra dizer que, ao
que parece, hoje, só amanhã. Não tenho mais banda
larga por hoje, ao que parece.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h20


"Físicos teletransportam partículas em longa distância ", diz a manchete


Acabei de ler no UOL, "Físicos realizaram com sucesso a
teletransportação de partículas em uma distância de
600 metros por sobre o rio Danúbio, na Áustria".

Não sei o que me deixou mais surpresa, a experiência
ou a tradução. Teletransportação? Fica melhor
teletransporte. A palavra existe, mas é chocante

De qualquer forma meu sonho de entrar no forno de
microondas da minha casa e sair no forninho de
microondas da cozinha da Synapsys na Vila Olimpia
está mais próximo. Por isso mantenho os aparelhos
sempre bem limpos, para que minhas moléculas
não se misturem com um resto de molho de
espaghetti e eu chegue do outro lado meio-rosana
meio-bolognesa.

 

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h17


Beleza Comprada

Estou vendo no GNT. Não concordo com a postura de um
filósofo que participou de uma conversa durante o programa,
dizendo que 'a sociedade discrimina e tem preconceito contra
quem faz cirurgias de lipoescultura para emagrecer, porque
existe uma idéia judaico-cristã de que é preciso sofrer,
sentir dor e fazer sacrifício para conseguir alguma coisa'.

Se fosse verdade, as olimpíadas seriam a maior festa
religiosa do mundo, porque todo atleta sofre, todo treino,
todo jogo, envolve sacrifício. Ou seria o caso de todo
mundo abandonar os esportes e jogar a modalidade
equivalente no video game?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h51


Veeeeja

Muito bem. Quem foi que contou?
Quem contou e estragou a brincadeira?
Não era por mal, era só diversão.
A gente ligava a TV para contar quantas vezes
os apresentadores do TV Fama iriam dizer
"Confira" para chamar as matérias, uma
espécie de buzina do Chacrinha.

E eis que agora...sob influência sabe-se-lá
de quem...eles só dizem .. 'Veeeeeja!'.

Sem graça.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 19h16


Campanha vai convidar população a desligar televisores
   no dia 17 de outubro

  Num domingo? Duvido!
  Porque a TV não vai divulgar isso, vai?
  Então...quem vai divulgar? A Internet? Com 12% da população
  conectada? Os jornais, revistas? E quem tem grana pra
  comprar revista? Que porcentagem da população brasileira
  lê jornal? Aqueles 50% de audiência do Ibope, vão ser
  convocados através de qual mídia para a adesão a este
  dia de desligar a TV? O rádio? Boca a boca? As comunidades
  de base? As igrejas? Mas como, se quase todas as religiões
  e Igrejas têm suas redes de emissoras de TV? Quem vai
  querer desligar?

  Até hoje, nunca deu certo. Mas acho válido continuar
  tentando. Nem que seja só para testar um canal de
  comunicação para falar com o público telespectador,
  esses 98% de lares que assistem TV diariamente.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h50


clone


Eu gostaria de saber o que,
exatamente D'us tinha em
mente quando pegou uma
bolinha de barro, soprou-a
divinamente e criou Yoko
Ono.

Uma pegadinha?

Fato é que ela continua solta e agora, deu de imitar o estilo da
nossa maravilhosa Costanza Pascolato. Era só o que faltava.

Não bastasse isso, Yoko vai apresentar seu novo trabalho no
Festival de Veneza, informa a Carta Capital. Leia lá e veja
qual é a obra da artista. Depois de ler a descrição, clique
aqui e visualize a obra. Quer mais? Maior? Então vamos,
coragem.

Ah, sim, e se você passar por Veneza, me traz um
autógrafo?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h23


A verdade e o Marketing

Não quero dizer que um exclua o outro, de forma alguma mas
em muitos casos, uma coisa é a verdade e outra coisa é o
marketing. No caso do marketing pessoal, é claro: a pessoa
só conta o publicável, só revela o que a enaltece, só diz
o que convém.

No caso das marcas, a verdade pode vir maquiada, bem
arrumada ou, disfarçada.

Há um mundo de nuances para se dizer sobre isso mas...
vou enfocar um caso, o da pirataria.

Já fomos procurados por associações, etc. que combatem
a pirataria. E o que se quer é combatê-la, minimizá-la
já que a pirataria não pode ser eliminada, como os vírus
de computador.

Mas o combinado é sempre o de assustar o usuário. E
assim surgem fatos e mitos, desde o 'manga-com-leite-
mata', inventado pelos senhores de engenho para que
os escravos que comiam as abundantes mangas não
provassem do leite, até o CD pirata que quebra o
aparelho. Bom, tem CD, DVD pirata que literalmente,
detona o computador, o pc, mas não sei mais dizer
o que é verdade e o que não é.

Eu sei o que é contra a lei mas ilegal é uma coisa
e perigoso é outra.

Li agora que tênis pirata faz mal à saúde. Faz? Mas
só tênis pirata faz mal à saúde? Tênis vagabundo,
tênis chinês, tênis malfeito, não faz mal também,
mesmo que seja um modelito original? Ou só os
piratas fazem mal à saúde? e.. qual saúde, a
econômica?

E bebida falsa mata mais ou menos que bebida
original? Mata mais como, mais rápido, com
mais seqüelas? Perfume falso eu sei que fede,
mata os outros. Bolsa Louis Vuitton falsa também
mata? Mata do quê, de vergonha, de raiva? De rir?

Sou muito desconfiada, conheço os dois lados da
mídia, os dois lados da propaganda. Não conheço
a fundo, mas, de vivência e sei que tem muito
bicho feio em todo lugar. Bicho mentira, bicho
interesse, bicho marketing, bichos em geral.

Sempre que leio notas dizendo que tudo o que
é pirata faz mal, quebra, mata, escangalha,
fico pensando em todos os 'mitos' e 'verdades'
que avós e pais criaram ao longo da história
humana para que as crianças não fizessem
'coisas feias'... sabe... masturbação faz nascer
pelo, a mão que fica amarela, o pinto que fica
fino...

Difícil dizer, em 2004, aonde o marketing começa
e a mentira termina... e se esse vôo faz ou não
faz escalas pelas verdades...

Fui pra outra reunião. ATé


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h22


MAGIA
 

Não é uma questão de acreditar. A magia vem da lida.
Aquilo com que você lida será veículo do que de
mágico o universo tem.

Lido muito com as palavras e com a internet. Com meu
pc, meu telefone, minha câmera. Então, foi assim que a
magia se deu para mim.

Primeiro, tirei uns dias de férias. Depois, tirei uma foto
da minha sombra com meu cachorro. A partir daí o
moblog resolveu tirar uma com a minha cara. E começou
a publicar a sombra sem parar, replicadamente.

Um querido amigo me deu um toque, era a sombra,
um sinal. Li o email dele e achei legal.

Depois, tirei uma foto de um poste de luz. E desta
vez, foi a foto da luz que começou a ser replicada.

Liguei pra ele. Conversamos. Ele mandou um livro
de presente pra mim, chegou por terra, mas é do
Submarino.

Hoje, sentei no cantinho da minha sala, comendo
uma salada que preparei em casa e trouxe para
almoçar, aproveitando o único raio de sol que
ainda entrava aqui e comecei a ler "Magia
Interior", de autoria de um psicólogo Jungiano
chamado Robert Johnson.

Não é uma questão de acreditar ou não em magia
porque ela existe independentemente de sua fé,
religião ou crença.

Pois é mágico estar lendo um livro de presente de
um amigo só porque o moblog reproduziu uma
foto de uma sombra que tirei com o celular num
lindo dia de sol, com meu cachorro, em Águas de
São Pedro.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h47


Emilio Surita

A Glauce, que faz parte de uma galera que criou e
mantém o blog-homenagem ao Pânico, mandou um
icq perguntando se era mesmo aniversário do Emilio hoje ou
não. Procurei no meu celular e... cadê o telefone da Pan?
abri um arquivo antigo, um doc em word. Achei o telefone do
Calainho. Liguei pra secretária dele. Peguei o telefone da Pan.
Falei com a secretária. Foi ontem. Sniff.
Perdão, Emilio, mas parabéns por ontem, então, véio!
O Pânico ainda está no ar, por causa do horário político.
e pensar que eu conheço o Emilio há vinte anos...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h24


Blog do Receitas da Vida

Acabei de atualizar o blog do Receitas da Vida.
E o mundo continua me procurando em
busca de patrocínio, ajuda, idéias, textos,
empregos.

Hoje tenho uma reunião para ver se consigo
viabilizar uma peça de teatro, ajudando a captar recursos,
ontem fiz a reunião com o Arthur Verissimo, para ajudá-lo
com um projeto, vou tentar fazer o mesmo pelo Marcio
Werneck, vou fazer uma palestra na 5a, (amanhã), um
evento na outra quinta e soube, por telefone, que a
Cynthia Benini vai marcar uma reunião de trabalho aqui.

Agitado o mês de agosto.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h22


Respirando fundo

Abriram um buraco em frente ao prédio onde trabalho.
   Os carros que estão fora não entram os que estão dentro
   não saem.

Tentei fazer uma salada com o pepino, uma limonada com
   o limão e uma torta com o abacaxi: levei o carro pra lavar
   num estacionamento e aproveitei pra deixar o carro lá o
   dia todo. Sacou? "olha, pode lavar sem pressa..." assim eu
   pago 15 reais pela lavagem completa e Zero pelo
   estacionamento... boa, né?

 Guardei minha ração na geladeira, coloquei minha roseira
    no sol, dividi minha água com ela. Abri meus emails, o
    icq, o word e... todo mundo começou a entrar na minha
    sala pra falar comigo. Tocou o telefone e o celular. O
    icq gritando Oh-ho pelo fone. Tudo ao mesmo tempo. 
    Eu, no chat com a digiweb (o farofa.com.br voltou ao
    normal, felizmente). Acho que isso é a vida de uma
    executiva... Um dia eu vou ganhar como uma executiva
    de verdade. Por enquanto, só pago como tal...

 

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h37


Comigo, tudo bem

Corri meia hora, cheia de energia, encontrei a figurinista na
   porta do prédio, devolvi todas as roupas que estavam comigo,
   o professor particular já está dando aulas (e já está pago), 
   recuperei o arquivo doc da lição da minha filha. Tudo certo,
   tudo em cima. Pelo menos, pensei que sim.
   Porque assim que abri o pc, o Rabugente avisou que o farofa
   não está no ar, o ftp não conecta ao servidor, e a digiweb
   está com todos os atendentes ocupados. Pinheiros e
   consolação estão sem energia em são paulo, os faróis
   estão apagados, o trânsito está um caos.
 
   E no Rio, os aeroportos estão fechados e já há 18 vôos
   atrasados.
  
   Logo hoje que eu estou ótima!?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h15


Valéria Blanc

Editora da Revista Época? Legal. Eu lia a coluna da Valéria
   todo santo dia no Correio Braziliense. Senti falta de suas
   notas durante anos. Que bom que ela voltou. Quando a
   gente gosta de um profissional, a gente espera ele voltar.

   Será que os fãs do Mion também pensam assim?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h17


UI!

Um leitor escreveu para o BlueBus dizendo que o Estadão
  teria 'cozinhado' uma matéria publicada no BlueBus, sem
  crédito e a resposta do site foi que o Estadão sempre foi
  ladrão. Ui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h16


Malu Mader entre um gato e um rato

Li no RSS Reader. No canal do BlueBus. Mas a nota diz que a
verdadeira fonte é a coluna do Joaquim Ferreira dos Santos
no jornal O Globo. Mas é só para cadastrados. Joaquim diz
que Malu Mader foi correr na lagoa com seu marido Tony
Belotto e foi seguida por dois paparazzi. Ela conseguiu
pegar um deles, pelo braço e chamou-o de rato.

Tony teria dito a ela para largar o rato e deixar pra lá.
Tem razão o Tony. Entre um rato e um gato, melhor largar o rato e continuar
com o gato.

PS - Esse ratinho doido está comigo há muitos e muitos anos. Fazia parte
e uma piadinha boba que fiz, ao perguntar:
- Adivinhe o que foi que o rato bêbado tomou? (Passe o 'mouse' e sombrei a
linha abaixo para descobrir...)
..mouse beer....
e a piada é minha!


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h11


Já percebeu?

Ninguém é a favor da censura mas ninguém é a favor do mau
jornalismo. Ninguém quer comitê de supervisão para o que se
escreve mas ninguém quer profissionais ignorantes, despreparados
ou tendenciosos e mau-intencionados.
Não estou defendendo Lula, nem de longe, mas uma coisa é
certa:
-Não se pode criticar a imprensa.
A imprensa não aceita críticas. A imprensa sente-se no direito de
criticar a tudo e a todos mas não aceita ser criticada.
E tem gente que só percebe isso nas pessoas físicas...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h01


Compromissos

Pagar as contas empilhadas sobre a mesa
Levantar dados e começar os roteiros para serem entregues
   na 6a.feira.
Preparar as pautas de gravação
Deixar todas as roupas do figurino na portaria para o
   motorista da produtora pegar.
Pagar a aula particular do filho
Preparar a palestra de amanhã
Tomar vergonha na cara e sair agora para correr.

É o que vou fazer agora. Estou feliz comigo. Me rendi à
tentação do óbvio-pop, da sabedoria das frases de
pára-choques e compreendi que assim que a gente
acorda tem a chance de fazer o que quiser da
própria vida. 
 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h58


Bom dia!

DEMORÔ
Abro o jornal e leio notícias que a gente já sabia: o Orkut em
um concorrente chamado Multiply. Hum-hum. Datanexus
libera acesso à audiência. De fato. E ainda tem uma notinha
dizendo que Ocimar Versolato inaugurou todas as suas lojas
de uma tacada só. Nananina, aqui em frente de casa a
reforma ainda não acabou. A loja abre na sexta.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h53


café pra gato?

Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h57


Piranha é encontrada em rio Holandês

E qual a surpresa? As piranhas adoram viajar, especialmente
para a Europa. Muitas se casam com estrangeiros e tiram
definitivamente, o pé da cozinha. Outras acabam escravizadas
ou exploradas pelos maridos. Mas piranha na Holanda não tem
nada de estranho. Estranho é que as vacas nacionais não
se mudem pra Índia. Lá elas seriam sagradas.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h46


Palestra e evento

Nesta quinta feira vou fazer uma palestra na UNIBAN, na
semana de comunicação. E na outra semana, serei
mestre de cerimônias num ciclo de palestras de uma
empresa. Amanhã, tenho que preparar a apresentação.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h43


Clodovil

 Um produtor do programa A Casa é sua ligou pra mim e me
 convidou para almoçar com Clodovil ao vivo, amanhã, em
 seu programa e falar de mim, da minha carreira. Amanhã,
não posso. Minha agenda é meio complexa e preciso marcar
tudo com antecedência. Agradeci ao gentil convite e
mandei entregar flores para o produtor, em nome do
apresentador e da produção. Não, não foi da Flávia Rocco.
Foi da floricultura com quem nossa agência trabalha.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 23h27


Conflito diplomático?

No domingo, Gilberto Gil fez o show Eletracústico. Jodele
Larcher, é o VJ, que 'mistura', 'pilota', imagens no telão de
Gil. Jodele é um artista, diretor consagrado de tv e de
clips, tem história na música brasileira.

Jodele me contou que gravou uma camiseta, que tinha
os dizeres "morra, Bush, morra", imagem que seria usada
no telão. Morra,Bush,morra, numa camiseta retrata uma
realidade, ele não inventou a frase, ele não criou a
camiseta. Viu que ela estava à venda e gravou-a. Só
isso. Me lembrou do nome do filme "corra, Lola,corra".

Na segunda feira, Jodele me mostra a Ilustrada, da Folha 
de São Paulo, com um artigo de Pedro Alexandre Sanches
sobre o show. Em um trecho, o jornalista dizia:

"Na mítica "Soy Loco por Ti, América" (68), canção para
Che Guevara, o telão ostenta, em português, os dizeres
"morra, Bush, morra". A provocação transborda,
do artista para o próprio governo brasileiro."

E transbordou mesmo. Não sei por quê, mas entrei no
Google News e digitei 'Brazil'. Vi uma manchete falando de
Gil e pensei... "será?" Pois foi.

Na Reuters, a matéria traz declarações do assessor de
imprensa de Gil, dizendo que o artista não sabia de nada,
que o VJ usa as imagens que quer. E cita o nome do Jodele.

A mesma notícia já foi replicada em outro site, aqui.
Espero que não vire um conflito diplomático....

PS - O Terra diz que era a imagem de uma pichação em
uma matéria é que era uma caricatura de Bush em outra.
Banners dizendo "Die,Bush,Die", surgiram aos montes num
evento anti-globalização que aconteceu em janeiro deste
ano.

PS2 - Tenho certeza que o bom senso vai prevalescer.
Que todos compreendam que retratar a realidade, que
gravar uma pichação, que documentar uma manifestação
não é pregar uma ideologia e sim, ilustrar a realidade.
Ainda mais ao som de Soy Loco por ti America, feita pra
Che Guevara...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h08


Bota na TV CULtura!

Observatório da Imprensa. Ao vivo, todos, Ibsen Pinheiros,
o repórter Luiz Costa Pinto, da IstoÉ e um representante
da Veja. Tudo a limpo. Interessa?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h52


Alô, alô, marcianos...

Marcianos, marcianas, lucianas....
Aviso: megaoperação não é uma super cirurgia,
nem uma hiper-lipo-aspiração, ok? Assim, a megaoperação
que levou 63 pessoas à prisão não aconteceu em nenhuma
clínica estética, ok? Combinado?
Ótimo. Agora só falta esclarecer que 'reprodução assistida'
não significa que todo mundo vai ficar olhando enquanto
o casal trepa, tá?
ai, como é difícil dar aula para essas garotas...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h49


É o bicho

Depois de dizer que manda matar gato preto que cruza com seu
caminho, Ivete San-galo foi rebaixada para Ivete Sem-gato.
Pegou mal.Astros e estrelas não podem dar maus-exemplos.
Mesmo que acreditem que os gatos pretos sejam de mau-agouro.



 

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h41


Parabéns!

Hoje é aniversário da Fabíola Miotti, que trabalha na
Portare e que me mandou de presente a mais linda
bolsinha vermelha de celular. Juro que devo essa lembrança
ao Orkut. Se não passo por lá hoje sem querer, não ía
saber que é aniversário dela. Felicidades, minha linda.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h01


Direto do Túnel do Tempo

Eu sei, eu sei, eu sei.
Eu também vim do túnel
do tempo.

Mas percebo que ultimamente
a mídia tem ressuscitado
artistas do passado.

Bacana.

A Simone, por exemplo,
de repente, voltou aos
cenários. Agora é Natália
do Valle que volta às novelas.

Lembro que ela foi musa de
milhões, muito antes da internet,
antes do celular, antes do DVD, antes do video game. Mas já
existia a batedeira de bolo. Já existia a torradeira. E o secador
de cabelo com touca térmica. Ah, que saudades dos anos 70!

Acho ótimo que comecem a respeitar os mais velhos. A gente vai
viver muito com os avanços da medicina, da indústria farmacêutica,
e as novas tecnologias. Muito em breve, vai ter mais velhos que
jovens...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h50


Por falar nisso...

 Arthur Veríssimo e seu cinegrafista
 Tony estiveram na Synapsys hoje
 para uma reunião.
 
 Ele me contou, surpreso, que
 muita gente comentou que viu
 antigas matérias dele no Ratinho,
 ontem e anteontem.

Arthur ficou surpreso porque ninguém ligou pra ele, ninguém
negociou com ele, nada. Não apenas é a imagem dele que está
no ar, como também os direitos de imagem, as fitas, são dele.
Sem contar que ele está em negociações com outras tvs e
isso atrapalhou o andamento das coisas.

Arthur então ligou para o assessor do Ratinho que estava
todo fliz, perguntando se ele estava gostando da reapresentação
e tudo mais. É incrível mas mesmo transgredindo a lei, os
contratos, as regras, muita gente não o faz por mal. (Mas
muita gente, sim, faz, é preciso lembrar).

Se não há o dolo, a intenção, a gente resolve. Mas só
pra lembrar, perante a lei não adianta alegar que você
não sabia que não podia. A lei, é fria como um pepino
na salada...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h39


Bem vindo

Eu sei que parece professora de pré-escola ou, de curso de
inglês (daquelas que tratam os alunos como criancinhas),
mas...turma, vamos dar boas vindas ao Luiz Henrique
que foi bacana e foi legal?

Obrigada, Luiz Henrique. Fiquei feliz não apenas porque
você colocou o link e o crédito, mas porque a gente
conseguiu se entender sem acusações, ofensas ou
ameaças.

Mas se você aceita uma sugestão, toda vez que você
receber alguma coisa sem crédito faça uma das duas
coisas, ou não publique ou pesquise até encontrar o
autor. Se precisar de ajuda, chame. Em geral, é
super simples. Se você entrar no Google e digitar
um pedaço do texto, digamos "Beto Carrero Excel",
assim, entre aspas, você chegará direto a este
blog e aquele post, não tem erro.

Abraços.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h33


Perguntinha:

Já que quase metade dos aparelhos ligados neste país
está na novela da Globo, por onde acabei de passar,
tenho uma pergunta a fazer:

- A Renata Sorrah está fazendo papel de quê, de
  Glenn Close em Atração Fatal ou de Glenn Close
  em 101 dálmatas?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h23


Experiências

Tudo é experiência na vida. Aliás, isso é de uma obviedade
que beira o rídiculo, já que viver É experimentar. Estou
numa fase diferente, observando as experiências das
pessoas, intermediando trabalho. De repente, as pessoas
passaram a me procurar não para que eu faça as coisas
mas para que eu as ajude a viabilizar seus projetos.
Me faz bem.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h21


Veja e Isto É

Nem guerra de cervejas, nem de margarinas, mas de
revistas. A Veja e a IstoÉ resolveram partir pra briga.
Briga de esquina, de site, outdoor, edições, tudo.
Acabei de ver no site da Veja a retaliação.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 17h41


Chupim

         
   Não sei como aconteceu.
   Só sei que este post,
   foi chupado integralmente,
   com a foto, o link, o texto,
   e modificado no final e foi
   postado num site de alguém
   chamado luizhenrique.com de
   propriedade de luiz henrique
   de castro.

   Deixei um comentário no post,
   enviei uma mensagem para ele
   e tentei entrar em contato por
   telefone, mas o número publicado
   no Whois do Network solutions
   não era dele. 

   De qualque forma, notei que pode
   haver um hábito em relação ao uso,
   ou uma inocência, um desconheci-
   mento total, já que a frase do dia do
                                               Luiz Henrique, é na verdade uma das
mais famosas frases de Woody Allen (sobre a masturbação).

 

 

 

 

 

 

 

Aqui, acima, o post clonado. Ah, e por favor, não precisa ir lá brigar
por mim. Eu já o fiz. Obrigada ao querido leitor que me avisou
sobre a chupada federal, seja ela dolosa ou culposa.

 UPDATE - já tem um link e o crédito no site mencionado.
               que bom.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 16h27


Que ótimo.

 

Suspeitava desde o princípio.

Só vi a estréia do programa
que vai entrar para o Guiness
como o reality show de
nome mais longo, 'Casa dos
Artistas do Silvio Santos
apresenta os Protagonistas
de Novela no Sistema
Brasileiro de Televisão'.

Mas logo intui que a moça da
esquerda, com aquele decote
que vai do Pomo de Adão ao
Monte de Vênus, era travesti.

Li agora que Bianca é travesti
assumida. Bacana.
TV tem que ter diversidade mesmo.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h40


Flavia Rocco

 O catálogo de arranjos florais
 da Flavia Rocco é simplesmente
 deslumbrante. Não conhecia o
 trabalho dela, até o dia em que
 recebemos aqui na Synapsys,
 uma caixa quadrada cheia de
 pedrinhas brancas, onde nove
 tubos de ensaio, dispostos
 numa matriz 3 x 3, cheios de
 orquídeas amarelas, inundou a
 sala de exclamações.

 De quem são? De onde são?
 Eram da Flávia Rocco.
 entrei no site agora e vi coisas
 realmente lindas.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 15h07


O Polvo Unido jamais será vencido?

Operação Polvo contra a lavagem de dinheiro.
Adoro esses nomes de operações da Polícia
Federal. Prenderam 90 doleiros.
Será que estarei viva para ver todos os
grandes peixões corruptos atrás das grades?
Sabe, dizem que estão descobrindo um elixir
da vida eterna...


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 14h07


Dinheiro não é tudo.

Sem piadas de origem, por favor.
Fato é que eu tenho uma péssima
relação com o dinheiro.

Não tenho apego pelo dinheiro, não
tenho o dinheiro como objetivo,
não acho que o dinheiro seja
medida de nada, não sonho com
dinheiro. Não trabalho pensando
no dinheiro.

Já ganhei bem por pouco tempo
e pouco por muito tempo.
Vivi mais da metade da minha vida adulta ganham o mínimo para
sobreviver.

Já sustentei muita gente. Nunca ganhei mais do que mereci
mas já fui explorada por muita gente que percebia que eu me
divertia mais com o trabalho que com o salário.

Hoje percebo que não estou só neste descompasso com
a chamada grana, o vil metal.

Tem gente que tem paixão excessiva pelo dinheiro, tem
gente que sente uma culpa horrorosa em relação a ele.

Uma vez um entrevistado de vida modesta me disse
que sente culpa e medo de ganhar dinheiro.

Em compensação, já trabalhei com gente tão apegada aos
valores materiais de dar até pena.

Hoje eu não sei nem o que penso. O dinheiro
não me move, não me comove. Construí
minha vida para não ter que pensar nele.

Hoje, no almoço, lembrei que Chico Buarque,
Toquinho, Vinícius, Tom Jobim, Gil, tantos
artistas, não ficaram famosos por serem
milionários mas por serem grandes artistas.
Muitos têm, muitos tiveram dinheiro, não
faz diferença. É bom viver bem, ter acesso.
Mas ninguém escreve um livro para ficar rico,
nem compõe uma canção come este objetivo.
(Embora muita gente faça filmes pensando
só na bilheteria).

Só sei que enquanto existem religiosos que
rezam virados pra Meca, existem pessoas que
orientam a vida para o dinheiro.

Triste isso, não?
Eu acho.


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h59


Bronze

Sempre ouvi dizer
que medalha de
prata é o ouro
perdido enquanto
o bronze é a
diferença entre
medalha e não-
medalha.

A prata tem gosto
de derrota de ouro,
e o bronze tem o
sabor de ficar dentro,
de vencer, de não
cair fora.

 Procede?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 12h58


ei

por que eu fico me explicando?
mania horrível. na minha idade,
nem cabe mais.
pouco tempo, muito critério.
assim deve ser.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h44


ai meu saquinho de jujubas

Eu esqueço.

Mas é chato ter que se
explicar o tempo todo.

Sim, eu sei quem é o
Mangabeira Unger.
Há anos, num outro
trabalho, entramos numa
concorrência via uma
agência para um trabalho
com o Ciro Gomes, que tem
o Mangabeira como guru.

Então, lemos muita coisa como, os livros dele. Daí eu faço um post
e não dou o currículo, não explico detalhes. E entra um Jonas que
saiu ontem da barriga da baleia e já afirma que a gente não sabe
quem ele é.

Eu esqueço que toda vez que a gente fala de comida, tem que
lembrar dos famintos. Que quando veste casaco, tem que lembrar
dos que têm frio. Que quando a gente recebe o salário precisa se
sentir imediatamente culpado pela injustiça social.

Eu esqueço que a patrulha da infelicidade não permite que ninguém
acorde feliz impunemente. Eu esqueço que não basta a gente
fazer uma parte para melhorar o mundo, tem que alardear o que
faz.

Eu esqueço que não basta saber alguma coisa, tem que publicar
que sabe.

Eu esqueço que a ironia é um artifício ineficaz na maioria das
vezes. E acabo fazendo um post assim.

Eu sou uma idiota. Mas uma idiota feliz.


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h39


Ouvindo o Heródoto
Barbeiro, na rádio
CBN, comentar sobre
um artigo do Mangabeira
Unger na Folha de SP
de hoje, abri o site
e acompanhei
o texto.

Ao final, li as credenciais
do professor:

 

"Roberto Mangabeira Unger escreve às terças-feiras nesta coluna.
www.law.harvard.edu/unger "

Hum... Law! Harvard! Como eu, muita gente fica impressionada com
as credenciais. Numa outra rádio, um comentarista também faz
questão de assinar que ele é de uma universidade espanhola e tal.

Os acadêmicos usam as universidades como sobrenome, assim como
os executivos usam os nomes das empresas. Assim como as pessoas
usam griffes para assinar o pode que têm sobre o corpo. Ou o carro.

Enfim, parece que todo mundo precisa mesmo de um sobrenome maior
que o seu, de um logo, uma griffe, o nome de uma empresa,
de uma instituição.

Todo mundo passa por isso quando fica inseguro.
Tem gente que fica inseguro a vida toda, vai ver.
Uma loucura.

Eu já recebi cartão de entrevistado que tinha curriculo nos dois
lados, só com nome de lugar mais ou menos chique.

Mas não me impressiono. Uma vez, entrevistando um porta-voz
do governo, soube que lá na Sorbonne, tem um brasileiro que
aluga um prédio, dá uns workshops de um dia pra brasileiros
e depois, vende um certificado. Os caras saem dizendo que
são da Sorbonne.

Pior é que muita gente fica influenciada.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 09h18


Beleza dezenburreççe?

 Não revelo a fonte, nem a pau, nem a pique.
 Mas eu soube que Preta Gil durante as gravações
 fala asneiras do naipe da Luciana Gimenez e revela
grande falta de...de... como é mesmo o nome do ministério
do genial Gilberto Gil, pai da moça? ah, sim, cultura. Isso.
Ela não tem o menor ministério.

A diferença, segundo a pessoa, é que como Luciana Gimenez
tem um corpão, é alta e bela, as pessoas acabam relevando
ou rindo das bobagens. Já no caso de Preta, a coisa pega.
As pessoas são cruéis com quem não é bonito na tv e usam
seus erros para fazer aqueles comentários do tipo 'além de
tudo'.

Beleza é antídoto pra ignorância?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h51


Requeijão

A gente pensa que está comendo requeijão mas
não está. Está comendo 'alimento lácteo', que
deve conter tanto requeijão quando a fanta
laranja tem de laranja.

Tá bom, tá bom, exagerei. Mas soube de fonte
fidedigna que raros são os requeijões que de fato, o são.
Corra para seu pote e leia o rótulo. O que está escrito?
É requeijão mesmo? Ou é alguma coisa láctea que contém
alguns arquivos .dll de queijo??


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h45


ai ai ui ui

Dói tudo, doutor. Dói das 2 da manhã até as 8. Dói da
nuca ao calcanhar, da moleirinha ao tornozelo.
Vai passar né?
Então, bom dia.

Ai .Ui.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h08


bom descanso

zzzzzzzzzzzzzzzzz.........


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h41


                                                          

        Chega. 
        Não aguento mais.
        Vou dormir,
        ora se vou, vou sim.

        Se serve de consolo
        não sou só eu que
        trabalho até esta hora.
        A equipe da reforma
        da loja do Ocimar
        Versolato está a toda.

       

Também, pudera: a inauguração é na sexta e está longe de estar
pronta. Imagine a pressão sobre a moçada...
Peão da broca, peão do teclado, peão da serra,
peões somos todos nós...fui. Segura, peão.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h39


era só o que faltava

você deve ter percebido que eu sumi daqui.
por que? porque estava fazendo um roteiro.
mas, sobretudo porque estou sem internet,
até agora. sem banda larga.
conectei agora, em dial up, só para passar o
roteiro por email e dar boa noite.
eu sabia que seria um longo dia.
só não contava que seria unplugged...
boa noite, e até amanhã.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h10


Feliz Aniversário Mariana!

Feliz aniversário, Mariana, querida leitora. Coisa mais
linda fazer 15 anos. Curta bastante, viu?


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 22h04


Enfim!

Aqui estou eu, no planeta pijama, mãos no
teclado, band-aid no dedão.
Pronta pra começar o último roteiro.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h52


Márcio Werneck

  Márcio Werneck,
  do Caboclada,
  nos recebeu em
  sua casa.
  Conheci sua
  mulher, Lili, sua
  filhinha de 8
  meses, Diana,
  seus projetos,
  seu trabalho.

  O Por de Sol foi um
  show à parte.
  Você não vai 
  acreditar na imagem
  que gravamos,
  um espetáculo.
  

Subi outras fotos para o fotolog, www.fotolog.net/farofa


 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 21h37


Em casa

. Gravei até as oito da noite. Foi ótimo.
. Voltei para a agência e esqueci que minha roupa
  ficou na produtora. Estou com a roupa do figurino
. Fiquei triste porque não pude encontrar com a Bia
  Kunze
. Fiquei até agora na agência participando de uma
  reunião de criação.
. Cheguei em casa neste momento e já tenho que
  sair pra buscar meus óculos antes que a loja feche
. Volto pra terminar o terceiro roteiro, que vai ser
  gravado amanhã, às 8 da manhã.
. Não sei quase nada do que aconteceu no mundo.

Beijos da

Ro unplugged


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 20h09


Até mais

. Brasil já pegou um bronze? Beleza. Nem precisou passar
  sundown.
. Brasil tá competindo? Eu também, tô na luta
. Terminei o 2o. roteiro
. Vou pra produtora
. De lá vou gravar com o Márcio Werneck
. Volto e termino o 3o roteiro
. Já serão umas 8 da noite
. Vou buscar meu óculos e encontrar a Bia Kunze

Estou moblogando pelo celular até lá.a beijos.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 13h22


Cenoura do Destino

Sabe aquela imagem do coelho correndo
atrás de uma cenoura, amarrada em
uma vara (ui!) bem diante de sua
cara? Então. Cada um tem uma cenoura
à frente, um estímulo pra continuar
correndo atrás, trabalhando, dando
duro. Alguns, só duros, outros, só
dando.

A minha Cenoura do Destino desta semana
é uma massagem que farei na 5a. feira pela manhã. Vou trabalhar
como uma chinesa condenada a trabalhos forçados, vou dar palestra,
vou gravar externa, fazer roteiros, chamadas,  vou gravar no estúdio,
tudo. Mas na 5a. feira... tem massagem!!!

E você? Qual é a sua 'cenoura do destino' da semana, essa que
faz você ir em frente pra poder chegar?

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 11h58


Porta fechada, boca fechada

.Fechei a porta da minha sala
.Colei dois post-its, um com meu MSN (só para trabalho)
 e outro com meu ICQ
.A mensagem é clara - papo, só por vias eletrônicas
.Hoje, se eu pudesse, colocaria no meu contrato de
 vida a mesma cláusula que a Madonna tem no seu
 contrato de shows: só fale comigo quando solicitado!
.Adoro a Débora, assistente da equipe. Eu pergunto,
 ela responde, eu solicito, ela faz, eu preciso, ela
 pesquisa. ela sabe que estou fazendo 3 roteiros,
 que é pauleira, que tenho gravação.
.Sabia que a Débora foi contratada a partir de um
 email que ela mandou par mim?
.Pronto, voltei ao trabalho. Até já.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 10h54


Fui

Fui trabalhar e tão cedo não volto e não paro.
Hoje é o dia mais intenso da semana.
pra ajudar, ligo o rádio e os 3 únicos caminhos
para chegar no trabalho, estão megacongestionados.
fazer o quê.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 08h45


Orkut e OI-E-AI

Boa noite, bom dia, boa tarde. Conforme a ocasião.
Estou com sono, frio e só não estou com fome porque
fui possuída por um café com pão.
Porém, assim que abri o caderno de informática do
jornal, lá estava a manchete: orkut.

O Estadão traz hoje uma extensa matéria sobre os
presos do Orkut. E mais:

- Se você entrar no google e digitar as palavras orkut
e febre, encontrará mais de 4.350 páginas. Ou seja
o orkut é uma febre, segundo milhares de pessoas que
escrevem na web, especialmente jornalistas. O estadão
repete a mesma coisa, que o orkut é uma febre entre
os brasileiros.

Orkut, chucrut, tudo passa. Um dia a febre baixa.

Mas fica a dúvida: por que brasileiro gosta tanto de
se comunicar? Gente tem, o que falta é assunto. Eu
gosto de muito assunto e de muita gente mas não
consigo aceitar/entender/evitar os contatos vazios
que me perseguem pelo icq o tempo todo, a síndrome
das vogais, o famoso 'oi-e-aí?'

E aí eu vou sair para caminhar, trabalhar, escrever e
dormir de madrugada. E torcer pra que dê tempo de
encontrar a Bia Kunze que está em SP. Beijos.

 


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 07h38


Boa noite

Não acabei nem o primeiro roteiro. Mas vai dar tudo certo.
Vou terminar os três até amanhã à noite. Vou sim, ora
se vou. Boa noite pra você que amanhã eu acordo bem
cedo. Bom descanso, obrigada pela companhia.


Um beijo, um browse, um aperto de mouse da Rosana Hermann às 00h08



(Obrigada pela visita. Volte sempre. Leia mais nos arquivos.)